domingo, 21 de agosto de 2011

É deeeeeeca!

Esteja onde estiver, Emanuel leva a bandeira do Furacão para os treinos.
(Foto: Mariana Kneipp / GLOBOESPORTE.COM)
Poucas pessoas no mundo, raríssimas, conseguem atingir a marca de decacampeão mundial em qualquer que seja o esporte ou a categoria.
Um atleticano conseguiu.
Fazendo dupla com Alison, Emanoel conquistou o título do Circuito Mundial de Vôlei de Praia com duas etapas de antecedência. Foi o primeiro título de seu novo parceiro. E o décimo conquistado por ele.
Campeão olímpico em Atenas, Emanoel foi homenageado pelo clube e a torcida em 2004 - um mês após a conquista histórica.
Na ocasião, relembrou como começou a torcer pelo Furacão:
- Era uma época em que o Atlético estava muito bem, foi bicampeão paranaense (1982/1983). Uma fase que eu me lembro muito. A torcida pegava o jornal, picotava e fazia como se fossem uns pompons. Eu ficava louco para ir e participar, gritar: “Ah, Atlético!”. Lembro que jogavam também muito papel higiênico. Na hora que entrávamos no estádio, iam passando uns caras com sacos e davam um rolo para cada um. Quando o time entrava em campo, a gente desenrolava e jogava. Era muito bacana.
Dentro de campo, o Furacão não decepcionou: meteu 5 a 0 no Atlético-MG naquela que se transformou na partida inesquecível de Emanoel.
Um dos maiores atletas do mundo, o atleticano Emanoel é o cara.


A partida inesquecível de Emanoel foi uma apresentação de gala do Furacão.

10 comentários:

Milene Szaikowski disse...

Atleticano de acompanhar o Atlético pelo radinho lá da Polônia quando estava competindo por lá. Atleticano de 4 costados que representa o Atlético em todos os lugares!

CAVEIRAHHH DE TOLEDO-PR disse...

Que falta fez o Deivid. Perdemos o meio campo.

Givanildo matou o time no meio.

Edílson é muito fraco. No primeiro gol tomou um drible inocente. Cabaço. Coisa de juvenil.

A luta vai ser grande até o fim.

Tomara que o Paulo Roberto volte logo e bem. É o cara para ajudar o Deivid na marcação.

Kléberson, embora tenha participado no lance do segundo gol, fica devendo muito. Não marca e não ataca. Defende muito pouco.

Não admito a dificuldade em contratar o atacante que o Renato quer.

O Roger é a terceira opção no Ceará. Atrás do Nicácio e do Wahsington.

É chegar com dinheiro que dá. Precisamos parar de pensar em superavit e ir atrás de contratar logo.

Paulinho, enfim, acertou um cruzamento, mas o segundo gol o cara teve meia hora para cruzar. Precisa dar o combate antes. Ele sempre espera o atacante pegar na bola para daí ir em cima do cara com a bola.

Que Deivid volte como sempre. Com ele em campo acho que o jogo era outro hj.

Cléber Santana e Marcinho morrem e somem do jogo às vezes. Paulo Baier voltando e aceitando ficar no banco, será importante jogando meio tempo.

Guerrón ganhando o que ganha e aceitando ser a 3.a opção de ataque. Tem que dar uma dura neste cara.

Para mim faltou vontade. Fizeram 2 a 0 e acharam que ganhariam a qualquer momento e a sorte ajudaria no fim, como tava ajudando.

Ricardo disse...

Acharam que o jogo tava ganho. Todo mundo achou isso, a torcida também. Castigo do caralho.

Eloi disse...

Gastaram 10 milhões na contratação de dois atacantes, um é ruim, mas é tão ruim que em um ano marcou seis gols, o outro, bem outro me parece que se fosse bom para custar o que custou, deveria estar na seleção de seu país, e agora os amadores não querem mais contratar ninguém, gastaram tudo o que tinha nas ruindades de contratação!

Rodrigo disse...

Os culpados são: Madson, que não jogou nada. Wendel, que não substituiu Deivid como deveria e o sr. Rafael Santos, que tem medo de jogar com a própria torcida ao seu lado...Sem contar os espaços que o meio de campo deu e a falta de pegada...lamentável...
Péssimo resultado. Não é porque ia jogar com um timinho, que tinha que diminuir os espaços e a pegada, caralho...VTNC.
Outro recado é pros mortos que gostam de ficar na organizada como estátuas e nem batem palma...vão pra puta q pariu...se querem assistir vão pra cima seus inúteis...se não ajudam, então não atrapalhem.
Agora tem o flamerda 4ªfeira...
Vamos ter que ganhar.

fernado disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rodrigo disse...

Olha pessoal, revi agora o 2º gol....o sr. Edilson deixou o cara cabecear...a bola era dele...VTNC
Nosso goleiro tem que ter domínio da pequena área também...a bola passa pelo Manoel que não alcança e o Edilson ao invés de subir se agacha....tem que passar 200 vezes o vídeo pra esses idiotas verem a cagada que fizeram.
No primeiro gol acho que era o Wendel que não cobriu o rebote do goleiro e o cara desmarcado fez tranquilo.
Agora são obrigados a vencer flamerda e cocôtiba no mínimo.

Guilherme A disse...

Pra mim essa historia de que jogaram serio é papo furado. Forçaram o amarelo do MELHOR JOGADOR DO TIME, deivid, pra jogar contra esse time, ou seja, contaram que ja estava ganho. Tomamos um empate de um timinho dentro de casa.

Não quero um time brilhante, só um time sério e com raça. E pra mim, forçar o amarelo do Deivid foi falta de seriedade.

Tiago CAP disse...

o Jadson joga muito.

Tiago CAP disse...

O segundo gol do América, pra mim, foi irregular. O atacante, pra subir, apoiou-se no Rafael Santos. Engraçado é que não ouvi ninguém das rádios tocar no assunto. Observem o lance e vejam a ilicitude deste gol.