quarta-feira, 13 de abril de 2011

Sob as graças do Delega

Sem mágoas: na Toca do Leão, Antônio Lopes ciceroneou o Furacão.
Olha só quem apareceu para dar aquela força. Pouco mais de um ano após deixar o comando técnico do Atlético, ele, o folclórico técnico-delegado Antônio Lopes, recebeu a comitiva do Atlético em Salvador e ainda de quebra passou a Adíolson Pezão preciosas informações sobre o adversário de logo mais, em Pituaçu. Sem Mágoas, o delega era só sorrisos. Dentre as dicas para a partida desta noite, recomendou forte marcação: "só não vale é dar chambão"! Veja como foi o encontro na reportagem do Globoesporte.com:
Nesta terça-feira, o Atlético-PR contou com uma ajuda providencial para partida contra o Bahia, que acontece na quarta, em Pituaçu, válida pela Copa do Brasil. O time paranaense treinou na Toca do Leão e não hesitou em pedir informações sobre o adversário tricolor aos jogadores e comissão técnica do Vitória, que realizavam atividades no campo ao lado.

Com quatro passagens pelo Furacão, o treinador Antônio Lopes foi o mais procurado pelos jogadores e membros da comissão técnica que já o conheciam. Lopes pôde dar um panorama geral sobre a situação do Bahia, que vem de derrotas no Baianão e turbulências que resultaram na demissão do técnico Vagner Benazzi.

O técnico rubro-negro ainda deu pistas sobre a possível escalação do rival tricolor na partida. Ao ser questionado sobre a situação de Robert, o treinador afastou as preocupações dos companheiros do Furacão, antecipando que o atacante não deve começar jogando. Já o técnico Adilson Batista preferiu sondar informações com os auxiliares Ricardo Silva e Flávio Tanajura.

Quem também aproveitou para passar informações sobre o maior rival foi o goleiro Viáfara. Em papo descontraído com o atacante Guerrón, Viáfara contou detalhes sobre o Bahia e ainda brincou:

- Já passei tudo, mas, para falar sobre o Bahia, passaria a tarde inteira aqui – diz o goleiro do Vitória.

O clima amistoso foi a marca principal do treino praticamente conjunto de Vitória e Atlético-PR. Outras figuras com passagem pelo rubro-negro baiano, como o meia Héverton e o goleiro Renan Rocha, também aproveitaram para rever amigos na Toca do Leão.

5 comentários:

Rogerio Otto disse...

Grande Antonio Lopes, assim com Geninho foi demitido na calada da noite mas com uma diferença, não saiu atacando o Furacão.

Lopes em toda sua experiência que não se mistura o time, o clube com atitude de dirigente.

No mais dicas do delega pra gente trazer uma vitória pra Curitiba. Tomara que ele vá ao jogo com aquela camisa vermelha.

Srn

Gustavo Meneghel disse...

chanbão é sensacional!
salve Delega!

Fê Ferraz disse...

É uma figura querida esse delega!

Jogão de bola logo mais! Coração preparado...

Da-lhe Furacão!

Deivid disse...

Delega é fera!!!

Marcel disse...

Grande Delega!!!!