quinta-feira, 21 de abril de 2011

Noite perfeita



Meus amigos...

A quarta-feira foi perfeita. No primeiro compromisso da semana, apresentamos o nosso melhor futebol em 2011, estamos nas quartas-de-final da Copa do Brasil e, de quebra, nos empanturramos de confiança para o Atletiba. Alguns poderão dizer: "tudo bem, mas quatro gols de bola parada?".

Pra começar, não é bem assim. As bolas precisaram se movimentar para invadir a rede baiana. Logo, não se pode ser tão simplista. Depois, e mais importante, não vale igual? Quando o tento é dessa natureza o piazão está dispensado de trocar o número no placar? Não, né.

E digo mais, se metermos um sapeca igual na coxarada alguém vai reclamar?

No mais, marcamos cinco vezes porque estivemos sempre próximos da área inimiga. Assim sendo, é fato que o time evoluiu muito sob a gerência do Pezão. Não fosse a não inscrição do brioso Rômulo no Estadual, já estaríamos com o onze rubro-negro na ponta da língua para o domingo de Páscoa.

Mas, voltemos...

Como poupar o velhinho Baier? Volta e meia surge um descontentamento da galera com o nosso capita - algumas vezes, com razão. Eis que, ele reaparece pela enésima oportunidade para decidir a parada. Não adianta, o cara é interminável.

A defesa se mostrou mais uma vez segura, com todo mundo bem. David reafirmou que é o nosso carrapato titular, enquanto Róbston vai deslanchando aos poucos.

Na meia-cancha, Branquinho parece, enfim, reabilitado. Categoria ele tem de sobra, falta ritmo e, infelizmente, vontade em determinados momentos -- o que não foi o caso ontem. Na frente, Adaílton virou certeza e só Guerrón foi nota 5. Apesar disso, o Dinamita já mostrou que é capaz de aprontar as mais loucas aventuras.

Por fim, só nos resta estufar o peito, aprumar o gurgumilo e soltar... "que venha os coxas!".

•••

Troféu
ZIQUITA
Velho Baier.

Troféu
TIÃO MACALÉ
Do Trétis ninguém merece. Então fica pro
Renè Inspetor Clouseau Ned Flanders Rei da Coxarada Simões, pela
chatice de sempre.

12 comentários:

Julio disse...

Assisti o jogo aqui na terrinha. O comentário depois do jogo; "vcs estão com um esquadrão". Como o pelotão da chateação vai encher o saco, o blgueiro precisou se esquivar quando escreveu das bolas paradas. Guerrilha, faça como o Pezão que mandou os cabaços da imprensa paranaense calar a boca... Pude escutar pela net a entrevista coletiva e fiquei soltando gargalhadas com o "calados..." no melhor estilo painho.

GUERRILHEIRO DA BAIXADA disse...

É issaê Julio!

SRN!

Ricardo disse...

Pezão é um baita técnico. Está mostrando isso, e o time tem muito mais a evoluir.

O time está focado, correndo, marcando, tocando a bola. Bonito de ver. No domingo teremos mais alegrias.

SRN

Alan Bike disse...

Já contra Paranavai o Time mostrou sua personalidade embora o que jogou o Bahia "não seja parâmetro" do que virá em sequência. Agora, o que resta do Campeonato Paranaense, que continue servindo de "treino" para as competições maiores. Assim como o coxa-Renè recebeu o troféu Tião Macalé, o Adilson Batista merece Ziquita.

Rodrigo disse...

Valeu Furacão, valeu torcida e vamos continuar com a mesma pegada...todos juntos e unidos.
Beleza nosso time, Pezão, os zagueiros, Rômulo excelente, Paulo Baier, os zagueiros destruiram, Renan, Branquinho, David e Robston e Adaílton, parabéns a todos e continuidade.
DÁ-LHE ATLÉTICO...

Maumau Ecos Aventura disse...

Comentário do amigo Hudson ontem na baixada"no intervalo do primeiro tempo "não é que eu vou fazer igual, ou fazer pior". Lembrei, bem que o guerrilha poderia colocar o clipe dessa música do Titãs.
Próximo domingo "não é que eu fazer igual ou vou fazer pior"

CAVEIRAHHH DE TOLEDO-PR disse...

Estou em um almoço em computador de um troxa-branca, mas já desinfetei a mão com álcool.

Ontem lavei a alma...

Agora assistir na VG é foda. Começo de jogo e já vaia.

Tem cara que só vai descontar as frustações em campo.

Geca disse...

Guerrilha, como bem disse o confrade Julio, criticar bola parada é uma bobagem abissal. Prefiro chamar de "Artilharia Furacônica Aérea". E outra, "gol de bola parada" é uma ode a bobice. Antiteticidade rutilante. BOla parada não faz gol. Gol só é feito por bola em movimento. Ponto!

Aos manés da crítica chiliquenta... meu phoda-se.

Bahia não é time pra parâmetro. Todavia, 5 x 0 não é placar normal. E pra quem foi ao jogo... viu que a disposição do time é o motivo da comemoração. Não necessariamente o placar dilatado.

Eu, um cretino animalzinho de 2 tetas, falo que o piá Deivid devia ser titular como 1º volante desde o nada saudoso S. Soares. Eis que ressurge o piá... e arrebenta. Se eu, um beócio enxergo isso há tempos, o que ocorre com os responsáveis pelo escrete rubronegrense?

Quanto a Robston... a mim ainda não convenceu. Joga burocraticamente horizontalizando, se esquiva de armar qualquer coisa, mas pelo menos, dessa vez, não comprometeu.

E esse cara... o Adailton... promete! O cara não cai, é brigador, vai até o fim. Porra! Esse nego vai guardar o dele no ATLEquita... vamo pra cima dos caras, que certamente tão com a batata assando.

"DENOSPREZO" esses caras que não reconhecem o valor do Baier. Ninguém joga bem o tempo todo, entretanto, nunca o vi tirar o pé. Aos 40 do 2º tá dando carrinho e brigando com a galera. O véio Maestro Baier é phoda! Respeito ao MPB!

As paquitas nem cogitam não levar o título já na Baixada. Por isso vai ser lindo quebrar a invencibilidade das crianças e mandá-los chafurdar no coxo pereira. Que a diretoria molhe a mão da galera e chamem os caras pra briga. Nada, além de uma vitória, nos interessa. É tempo. Tem que ser agora. A superação vai nos fazer vencer.

De ruim... a imagem do quebra quebra nos ônibus. Lamento muito esse "cardume de mulas" tresloucadas. Deviam ser marcados tipo boi... na testa...

clarice disse...

Conforme informa a Gazeta, foi um confronto ente torcedores do Atlético e cocôxa. O que torcedores (presume-se que uniformizados) da abundância de porcos faziam nas cercanias da Arena em dia de jogo, senão provocar confusão?

O pau fechou novamente no Esgouto hj na venda dos ingressos, teve bala de borracha e gás.

Aliás a FPF e parte da imprensa parecem fomentar um clima de tumulto para domingo.

Rídiculo o Sr Hélio Cury declarando que seria "ruim para Copa, se a taça não fosse entregue na Arena ao fim do campeonato como em outros estados". Avisem ele que haverá no mínimo + 1 rodada.

Os coxas querem nos impor uma humilhação e ao mesmo tempo que se repita na Arena.

Vamos ficar de olho inclusive se não vai haver coxa disfarçado de atleticano para iniciar o tumulto.

IBRAS disse...

Vem coxinha! Vem sentir esse Furacão, de disposição nova que me fez brilhar os olhos na noite de ontem! Avante Rubro-negro!

LuizCosta disse...

O atrético vai cair logo, logo na copa do brasil não tem time pra ganhar mais.

peterson disse...

vai cair em cima de sua irmã, coxinha viado, a hora de vcs está chegando, aguardem!!!