terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Um encontro que vale ouro

10 de abril de 1949
Amistoso, inauguração do Estádio Horácio Klabin, em Telêmaco Borba
Atlético 3 x 3 Corinthians
Em pé: Valdir, Nilo, Caju, Valdomiro, Joaquim e Sanguinetti
Agachados: Valdir, Rui, Neno, Cireno e Jackson


15 de novembro de 1949
Atlético 5x2 Guarani, em Ponta Grossa
Entrando em campo: Cireno, Guará, Neno, Valdir, Jackson, Caju, Délcio, Vilanueva, sem identificação, Valdomiro, Laio e Ivan.
O Círculo de História Atleticana convida para seu 18º encontro, nesta quinta-feira (17/02), das 19 às 22 horas, no 4º andar da Baixada (entrada pela rua Buenos Aires). Tema: "O Furacão de 49".
Os convidados especiais da vez são mais do que especiais. Estarão presentes ninguém menos do que Jackson Nascimento e Waldomiro Galalau, dois dos craques que transformaram o Atlético em Furacão. Duas lendas vivas do futebol paranaense.
Além, é claro, do historiador Heriberto Ivan Machado.
Uma oportunidade realmente única; um evento imperdível para os atleticanos.
E para o povão ir desde já sentindo o clima do encontro, publicamos acima duas fotos históricas do acervo de José Cação Ribeiro Júnior, originalmente postadas aqui no blog em setembro de 2009. Fantásticas imagens; especialmente a segunda, com o Atlético todo de branco entrando em campo para jogar em Ponta Grossa, com as palmeiras ao fundo. Destaque para as belas camisas negras dos goleiros, com o "ATLÉTICO" destacado em letras maiúsculas (clique para ampliar).
E, abaixo, um vídeo que mostra a cidade de Curitiba na metade1949, o Ano do Furacão. Os primeiros arranha-céus começaram a aparecer em meio a prédios históricos. O futebol já atraía uma parcela significativa dos curitibanos e o Atletiba se consolidava como clássico maior do estado do Paraná. No final do breve documentário, cenas de um clássico na Baixada:

Naquele ano, conta a Mylla, mentora e anfitriã do Círculo, o Atlético não tomou conhecimento dos coxas. No Torneio Início, vitória por 1 x 0. No Paranaense, vitórias por 5 x 1, no Couto, e 3 x 2, na Baixada. Também vencemos por 3 x 1 na II Taça Cidade de Curitiba. Mas, segundo a Mylla, o filme não mostra nenhuma dessas partidas, e sim um amistoso que acabou em 5 x 3 para o Furacão.
  • Serviço: Para participar do encontro desta quinta, basta confirmar presença pelo e-mail circuloatleticano@yahoo.com.br até o dia 16, quarta-feira. As vagas são limitadas e a participação é gratuita. Ah, importante: o evento tem o apoio do Prajá - ou seja, dá pra tomar uma cervejinha enquanto rola o papo com os ídolos.

4 comentários:

Andre disse...

Que nossos heróis de 49 abençõem a vinda de Caio Potter e esse time para que desse ano não passe mais nossa seca de títulos importantes!

caveiradedurepoxi disse...

ESPETACULAR iniciativa da Mylla, uma grande atleticana! Infelizmente, muita gente acha que o Atlético começou em 95 e por isso não se interessa. Triste.

Alan Bike disse...

Mylla e Guerrilheiro formam a dupla cultural Atleticana com certeza! Que relato maravilhoso do passado do CAP e da Cidade. O vídeo caiu bem, não precisamos desmoralizar os coxas; é bom tê-los "sadios" para o CAP não esmolecer e continuar o seu crescimento.

Mylla disse...

Poxa, que legais os comentários. Fico muito feliz!