terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Recordar é viver

Entrada da velha Baixada; início década de 90.
Os Fanáticos chegando num Pinheirão que não tinha teto, não tinha nada; 1986.

12 comentários:

Anselmo disse...

Que torcida! Deviam liberar mais bandeiras como antigamente!

Anônimo disse...

Ahhhhhh que saudades desta época!!!!! Nossa velha Baixada vai ficar eternizada na memoria em inesqueciveis jogos do Furacão.... Pena que nao temos mais um palco como este para jogar enquanto a Arena da Baixada estara fechada para as reformas da Copa 2014.

Seria lindo de ver.....

Anônimo disse...

Não está falando do Pinheirão, é claro...
Enéas

Cérebro disse...

Eu acho, que quando começarem as obras na ARENA, o atlético devia jogar no CT do Caju! NADA DE JOGAR EM ESTÀDIOS PROFANOS! Lá é nossa segunda casa!

MIke disse...

Essa entrada da Baixada está gravada para sempre, não tem uma vez que não passo na frente da Arena que não lembro do velho ginásio, desta entrada e da rampa com o símbolo do CAP lá em cima... coisa linda!
E tinha também a salinha da Fanáticos atrás do portão do lado esquerdo, tudo entulhado ehehehe

Anônimo disse...

O Atletico evoluiu, ms os fanaticos, regrediram !!!!

Anônimo disse...

Pessoal continuamos na lanterna, fazer uma fezinha colocando o time do coração no volante, poderá render uma boa grana!!!

CAVEIRAHHH DE TOLEDO-PR disse...

Bons tempos de vacas magras e de grande sofrimento que só fez aumentar minha paixão.

Lembro de pegar o Interbairros no Campina do Siqueira e viajar até chegar ao Pinheirão. Tinha a carteirinha da federação e não perdia um jogo junto com o amigo Eduardo que não sei onde anda, mas com certeza continua Atleticano tanto quanto eu. Era Platinense, Matsubara, Iguaçu, União Bandeirantes, Umuarama ... Meu Deus.

Nesta época não tinha vaia durante o jogo. Sabíamos da pindaíba do clube e apoiávamos as vezes somente com 300 pagantes no Pinheirão.

O Pinheirão me deu algumas alegrias como em 88 com 10 anos e em 98, sempre junto do véio que não perdia uma decisão...e muita gripe o vento que batia lá dentro era foda.

Mas o tempo passa e as coisas evoluem, as pessoas as vezes não...

Hoje não sei se teria mais coragem de ficar uma hora e meia dentro de um buzão para ir e o mesmo para voltar. Prefiro o conforto e a modernidade da arena ao pão com bife e vento do Pinheirão.

Mas com certeza este tempo só me fez mais Atleticano ainda.

RodrigoM disse...

Caveira, vc falou em bandeiras.. legal se na BRasilio (que ainda nao tem camarote) tivessem bandeiras ou pelo menos um bandeirão... ficaria irado!

Anônimo disse...

Em 1986 o pinheirao nao tinha cobertura. A vila capanema em 2010 já tem?

Anônimo disse...

A ferragem da Brasilio merecia pequenas bandarolas rubronegras, podiam até ser triangulares.
Fica aí uma pequena idéia de como deixar nossa Arena ainda mais bonita, para os atleticanos.
Titio Enéas

Anônimo disse...

Guerrilheiro e demais amigos rubro negros. Vivo buscando imagens de nossa torcida nos anos 80 e 90 e tenho muita dificuldade em achar vídeos e fotos destas épocas. Seria pedir muito que disponibilizassem? Se não for pedir demais podem me encaminhar: barcoviking@hotmail.com

Obrigado, saudações rubro negras, Daniel.