quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Guerrón também é convocado para a seleção. Equatoriana, é claro

Meus amigos, esta quinta-feira foi mesmo um dia especial para o Atlético. Depois de curtir uma suada vitória contra os gaudérios colorados, conquistada na base do suor e da raça, dois jogadores do clube foram convocados para defender as seleções nacionais de seus países.
Além de Neto, chamado por Mano Menezes, Guerrón foi convocado para defender a seleção equatoriana para dois amistosos, contra a Colômbia e a Polônia, nos dias 8 e 12 de outubro, em Nova Jersey e Montreal, respectivamente.
Uma ótima notícia essa do Guerrón.
Sua presença na seleção nacional pode representar o incentivo que faltava para que ele deslanche de vez e volte a apresentar aquela mesma bola que mostrou na LDU, em 2008.
Além disso, dois selecionáveis no elenco não é pra qualquer um não.
Parece que os bons tempos, aos poucos, estão voltando à Baixada.
Oxalá.

7 comentários:

Andre disse...

Os próximos que precisam ser convocados são Rhodolfo, e, se pegar uma sequencia de jogos, Ivan Gonzáles para a seleção paraguaia e aproveitar pra pegar a Larissa Riquelme também...HAHAHAHAHA!

Flávio Jacobsen disse...

Oxalá, Guerrilha! ;)

Anônimo disse...

Não vamos esquecer do Ferreira que ainda é nosso.
Temos a seleção sul-americana e não sabíamos!

Anônimo disse...

Vcs se lembram, que sempre nos tomavamos aquele gol ao 45 minutos do final e perdiamos a partida, foram muitas partidas, e na maioria das vezes estavamos na parte do rebaixamento e fazendo uma falta muito grande p/Atletico. Mas hoje os ventos mudaram, e a sorte virou p/nos, sede da copa, jogadores nas selecoes, time na parte de cima da tabela, quer mais... Grande Furacao!!!

roberto

Fê Ferraz disse...

Furacão em grande fase!

Anônimo disse...

Viva o Riva, Roberto.
E vale lembrar também que em geral no segundo tempo o Carpa chama o Riva e depois de conversarem ele processa a substituição...
Titio Enéas

Geca disse...

Pois é, mas há pouco tempo... tinha nego aqui, a cada jogo, dizendo que o time "não tinha preparo físico", enfim, a cornetagem e suas "suposições" mirabolantes...

Aliás, recordo de um ser dizendo que o Baier tinha que parar... O véio, mesmo mal em campo, tem uma função imprescindível no time: a organização tática. Ele comanda e, como disse um aí, a bola é que tem que correr, não ele. E mesmo assim, ele corre "bacarai", além de, com um toque, colocar um guri em condições de balançar o filó.

Considerando os desfalques do Bosta Fogo, há grandes chances de irmos lá e vencermos. Seria sensacional. Vencendo o Bosta Fogo, entraríamos forte no grupo dos "The Best"... e aí, a raça e o sangue nos olhos, podem fazer a diferença. Lembrando que ainda pegamos FlorMerdense aqui, dessa galera de cima.

O Furacão tá em estado de graça... e se não perder o foco, a coisa pode começar a ficar "supímpica" pro nosso lado.

I believe! Furacão vai apagar o fogo... to bem loco pra ver o Joel com suas lamúrias no final da peleja... "onde raiti, onde léf... the pRaier is veri gude".

QUe assim "sege".