terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Lembranças da infância (2)

E que tal esses escudinhos para o time de botão? Aliás, além de jogar peladas, o futebol de botão foi o esporte que mais pratiquei durante minha vida. No "Estrelão" (o campo de compensado vendido pela Estrela), na mesa velha da vó, no chão da garagem. Em qualquer canto saía uma peleja. Pena que minha coleção perdeu-se. Bons tempos, meus amigos. Bons tempos.

13 comentários:

Tiago disse...

Pois é,pena que a molecada de hoje não quer mais saber do futebol de botão. Nos meus bons tempos cheguei a ter mais 80 times, inclusive com botões feitos de osso de baleia, herança dos tempos de criança do meu pai. Tinha uma mesa que tinha até iluminação e placas de propaganda, traves com rede de filó e bolinhas feitas com algodão. Modéstia a parte fui craque neste negócio. Tentei ensinar meu filho, mas ele, como os demais moleques, preferem o video game. É uma pena...

JMK disse...

Ótimas lembranças do passado da geração que nos legou sangue forte.

Anônimo disse...

porra Cunha, vai me fazer chorar...

saimon_megamass disse...

No meu tempo
Só vinha o jogo com adesivo dos escudos
com o nome seria beeeeem melhor!!!

Junior zona sul disse...

O loco... Meu tio e eu faziamos pegas de de sair faisca.. Tempos que naum voltam mais mesmo... Depois tbm tinha a era da chanpicros.. Quem lembra??? Pistas feitas na areia ou na terra.. Vixe... Toh ficando veio.. hehehe.. Soh vc mesmo ein guerrilha...

Flávio Jacobsen disse...

Chego a lembrar do cheirinho do chiclete em que vinham os cards, mas lembro daqueles com a ficha dos craques atrás... mas também joguei muito botão, nossa... maravilha.

GUERRILHEIRO DA BAIXADA disse...

"Chanpicross" hahahhahhaha boa, boa!

Anônimo disse...

E o que jogava este Lotti, não?
Saudades destes tempos em que se praticava a fé rubronegra, agora consumimos!!
Nem melhor nem pior, apenas diferente, é a vida!
Titio Enéas, craque do futebol de mesa com os exércitos do War da Grow, hehe

_Madroxx_ disse...

Saudades dos jogos de botão e campeonatos... ChampCross... Tenho tentado passar ao meu sobrinho este gosto...
Se alguém curtir, vale a pena visitar o ótimo site: http://escudinhos.blogspot.com/
Nosso Furacão está lá. Basta imprimir e relembrar os velhos tempos.

Anônimo disse...

Que saudades, pena que não jogava muito pois meu Pai não tinha dinheiro pra comprar um campinho pra mim e meu irmão.

Lembro uma vez que na Rua de casa teve um campeonato no campinho de um vizinho nosso. Fui eliminado nas quartas de final...

Bons tempos, só vc mesmo ein Guerrilha...

Anônimo disse...

Brilhante, Guerrilha!!!
Tiago, Eu também tentei ensinar meu filho, mas como fazer ele achar graça tendo video game e computador disponível?

Vc podia tentar fazer um por anda anda desta turma, Guerrilheiro!

Abraços

Charlie

Tiago disse...

É ...realmente fica impossível Charlie. Às vezes ainda jogo com um amigo meu, só pra não esquecer como é, hehehe. Abr Tiago

Kike Cardoso disse...

Boa Guerrilheiro! Sempre joguei futebol de botão! Digo sempre, porque não lembro quando comecei, nem digo que estou parado. Se tiver uma peleja, vou mesmo!

Champicross joguei muito também! Futebol com a piazada era na cancha, de kichute no pé e a bola número 5!

Daí também me vem à lembrança os carrinhos de rolimã, as pipas, e etc...

Tinha os almoços com a família "Lá no Pasquale", no Passeio Público, e depois rumo à Velha Baixada de Guerra...

Vou parar por aqui. Essa piazada de hoje não sabe o que perdeu...

Abração!