terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Fato não se discute

No Paraná e em Curitiba, o povão é rubro-negro. Desde sempre.
Mais uma pesquisa confirma a superioridade da massa atleticana entre as torcidas dos times paranaenses, principalmente na capital. Segundo levantamento do Datafolha, o Furacão tem 8% da torcida dos clubes de futebol no Paraná, contra 5% da preferência para o Coritiba e 2% para o Paraná Clube. Na capital, o Rubro-Negro também domina, com 21% dos torcedores, contra 17% dos coxas e 4% dos paranistas.
De negativo fica a constatação, já detectada no megalevantamento feito pela Paraná Pesquisas em 2008, de que o Corinthians detém a maior torcida no estado, graças à grande penetração do clube paulista no interior.
E, pior ainda, o Paraná e Curitiba são líderes nacionais em população que não torce para time algum. No estado o índice chega a 30%; enquanto na capital os "sem-time" são 31% da população.
Confira os números do Datafolha:
NO PARANÁ
Corinthians 20%
ATLÉTICO 8%
Palmeiras 8%
Flamengo 7%
São Paulo 6%
Santos 6%
Coritiba 5%
Grêmio 3%
Vasco 2%
Internacional 2%
Paraná Clube 2%
Atlético-MG 1%
Outro 1%
Nenhum 30%


EM CURITIBA
ATLÉTICO
21%
Coritiba 17%
Corinthians 7%
Flamengo 4%
Paraná 4%
Palmeiras 4%
Outro 4%
São Paulo 2%
Grêmio 2%
Internacional 1%
Nenhum 31%

As tabelas completas você encontra aqui e aqui.
Embora os coxas aleguem que todas as pesquisas já realizadas sobre as maiores torcidas no Paraná em toda a história tenham sido compradas e manipuladas por Petraglia, Jofre Cabral e Farinhaque, os números não mentem. Para ver mais pesquisas sobre as torcidas dos times no Paraná, consulte os links abaixo:

28 comentários:

Anônimo disse...

primerooooo

Anônimo disse...

0/

Sabine Klimt disse...

Nossa! 30% e muuuuita gente! O Atletico sabendo disso, deveria mirar estas pessoas pra aumentar a torcida, montando um time competitivo, fazendo promocoes no interior do estado, se afirmando cada vez mais como o time mais forte. Precisamos ganhar mais do que paranaenses.

GUERRILHEIRO DA BAIXADA disse...

Com certeza Sabine. O caminho para reverter esse quadro no interior e buscar os "sem-time" é com ações de marketing, promoções e outras medidas. Senão, vamos ficar eternamente chorando as pitangas.

Geraaaaaaaaaldo disse...

Fato não se discute.

Anônimo disse...

Acho uma droga o fato dos meios de comunicação daqui fazerem parte do crescimento das torcidas "estrangeiras", vejamo que a RPC faz, vejam a bandaB do tal "deputado" que fica narrando jogo de time de fora sempre que os nossos estão de folga...
Depois que quiseram cobrar para entrar na arena vieram como papinho de papel social das rádios...
Titio Enéas, que de bobo não serve.

Marinho disse...

Interessante a colocação a respeito do papel da mídia para fortalecer o crescimento das torcidas locais. O pouco que fazem em nada contribui. A realidade é que se preocupam apenas com o próprio faturamento. A verdadeira falácia é o papel social das rádios. O crescimento da torcida Atleticana é incontestável, mas nos faltam títulos nacionais para um melhor desempenho no interior do Estado.

Anônimo disse...

Mas de nada adianta marketing e transmissão de radio e televisão se não tivermos um time bom e competitivo !!! Uma coisa é participar de campeonatos, outra é disputar campeonatos !!! Voltamos au velho assunto: tá na hora de investir !!!

Anônimo disse...

Um torcedor de Cascavel declarou no "bate boca" da Tribuna, Não adianta xingarmos os torcedores de times de fora do Paraná e que moram no interior se só disputamos pra não cair para a segunda divisão

Anônimo disse...

Que somos maiores que os coxas, já sabíamos.

Agora, esse tanto de torcedor de times de fora é uma vergonha!

Isso só comprova o que falo há muito tempo: O ESTADO DO PARANÁ NÃO EXISTE!

Anônimo disse...

O ESTADO DO PARANA EXISTE, O QUE NÃO EXISTE É FUTEBOL NO ESTADO DO PARANÁ! Um time na primeira divisão e dois na segunda ! Eo Atletico está há trez anos brigando pra não cair!!!

esou disse...

Assim avança o Rubro Negro Paranaense: Devagar e Sempre!

Não é o caso desta página mas há que se dizer; pobres cornetas são aqueles que denigrem os fatos e amaldiçoam a temporária diretoria.

A instituição Clube Atlético Paranaense é Imortal e Permanente até que algum anônimo corneta assuma a presidência, forme o conselho, assessores igualmente cornetas e a extinga o que nunca acontecerá, pois depende de nós para se elegerem.

Bem dito verdadeiros atleticanos acimas que disseram ser necessário visar os sem clubes afim de elevar o rol da nossa torcida.

Entretanto, muito ou pouco conforme já dito o CAP não para de se expandir.

Anônimo disse...

Como conquistar novos torcedores se não consiguimos nem nos classificar pra tão famigerada sula? Como chamar atenção de alguém pra ver preás e zulus jogarem? Se estamos crescendo é puro milagre!!!

Quanto a diretoria, eles não estão lá obrigados, amarrados e de graça, estão porque quiseram e devem estar levando muito. Mostra-me alguém da diretoria que lá está por amor!! Duvido e muito. Foi-se o tempo em que muitos dirigiram por pura paixão, hoje praticamente não existe.

Luiz Andrade disse...

(Desculpem pontuação, problemas de teclado)

Seria bom se as coisas fossem simples como querem alguns. Mas como explicar que o maior papão de títulos das 2 últimas décadas, o Bambi, apareça empatado com o Santos e atrás dos porcos paulistas, sendo que no estado de SP eles já são a segunda torcida e o santos fica bem atrás dos 3 da capital...

Ou que o Galo mineiro seja citado e o Cruzeiro não, sendo que a pesquisa em MG revelou que a torcida da Raposa é mais que o dobro da rival.

Luiz Andrade disse...

Outro fator ignorado (ou não citado) é o torcedor de mais de um clube. Se por um lado 30% não torce para ninguém, por outro creio que todos conhçamos aquele torcedor que têm 2 (ou mais) clubes do coração. Aquele famoso "em SP sou X, no RJ Y"... se na pesquisa só havia alternativa de se apontar um clube o resultado apresentará uma distorção.

Luiz Andrade disse...

É inegável que títulos e exposição na mídia ajudam, mas se fossem o preponderante os Bambis estariam em situação muito melhor e não sei se o o Grêmio teria 50% a mais de torcida que o Inter...

Anônimo disse...

Só falta o dois INCOMPETENTES MM e OB mandarem o laranja podre antonio carlos ir de graça pro botofogo.

Marinho disse...

Não é preponderante mas contribui em muito Luiz. De fato pelos resultados em campo os Bambis deveriam ocupar um lugar de maior destaque mas não tenho conhecimento de quão foi o crescimento nesta última década em função dos títulos. Para o nosso Atlético, apostar no equilíbrio orçamentário com jogadores que "podem" estourar é sensato porém a emoção do torcedor clama por um maior arrojo, mas a forma de trabalho da diretoria já relataram acima: "devagar e sempre". É a forma mais correta?????

Anônimo disse...

Não só as pesquisas mas o recorde em todos os estádios da cidade, inclusive o deles, se é que aquilo é um estádio.

Mais uma entubada naquela raça.

Parabéns Furacão, a maior torcida do Estado do Paraná.

(et. não quero polemizar, mas logo logo vou ter que ter com essas viúvas novamente. Parem de encher o saco do presidente que vcs e teu falecido elegeram pô!).
_____________________
profano

JMK disse...

O texto mostra quão Atlético cresceu em termos de torcida em relação aos Clubes de Curitiba.
Os paranaenses tradicionalmente não são chegados ao futebol.
Hoje as coisas estão mudando e para nossa felicidade a nosso favor.
O crescimento do timão é mero casuismo de gente interiorana que liga a paixão pelo atleta, no caso o Ronaldão, ao clube, nada preocupante.

Luiz Andrade disse...

Dificilmente, o Furacão terá cacife para contratar 3 ou 4 jogadores consagrados em uma tacada só, como gostariam muitos. E 1 ou 2 apenas com o restante ruim,já está provado que não adianta.
Então a culpa é do Tuna Luso e do PSTC (ironia), que a alguns anos atrás nos forneciam revelações que vingavam a preço de banana.
Em outras palavras,ou nossos olheiros pioraram ou os olheiros dos outros melhoraram ou ambos.

roderley disse...

ATLÉTICO A MAIOR E MAIS VIBRANTE TORCIDA DO PARANÁ.
Imaginem ganhando títulos ou pelo menos disputando ano a ano conquistas nacionais, passamos fácil a ter 3 vezes mais o segundo colocado.

Anônimo disse...

Balela esta estória de que com time se ganha torcida...
Seria o raciocínio lógico...
Mas BASTA ter a Globo nas costas que nem time precisa ter, ou alguém esqueceu que o CUrintia acabou de voltar a primeira divisão?
Ou alguém esqueceu que o Flamerda acabou de ficar DEZESSETE anos na fila?
Titio Enéas, pelo jeito viúvo daquele que criava soluções (ok, nem todas foram boas) ao invés de furar a tecla da desculpa...
AH: feliz ano novo Caro Profano, muito Heavy Metal em 2010!!!

Anônimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=GItUbn6axkQ

Anônimo disse...

Que vergonha o Malutron acabou de virar corintias e já tem a maior torcida do paraná isso é uma VEGONHAAAAAA

Anônimo disse...

Todos tem razão em dizer que titulos angariam mais torcedores.Porém são torcedores de ocasião. O Atlético sempre foi time de sofredores e fanáticos, tanto é que nas décadas de 60 e 70 Jejuamos muitos anos, nem porisso a torcida diminuiu.

Anônimo disse...

Alguem poderia ter a informação de quanto o atletico levou com a saída do nei pro inter?

Paco disse...

A pesquisa só confirma o que todos já sabiam, o Furacão é o maior do paraná.
Agora, vamos esquecer os coxinhas e nos preocupar com os times do eixo rio- sp, esses sim são nossos rivais!