quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Tumulto e fila na entrada dos sócios

Da Furacao.com:
Já eram decorridos mais de 30 minutos de jogo e centenas de torcedores ainda estavam do lado de fora do Joaquim Américo na noite de ontem. E para piorar a situação, todos são Sócios Furacão, modalidade associativa que o clube disponibiliza aos torcedores desde 2007.

O maior problema deu-se aos que fizeram o pagamento via cartão de crédito, dividindo a fatura em doze parcelas. Devido ao reajuste, anunciado com uma antecedência de somente 9 dias em relação ao pagamento da primeira parcela com o novo preço, no mês de setembro, alguns problemas já haviam ocorrido. Entretanto, não no exagerado número de queixas e reclamações como na noite de ontem no confronto diante do Santos

Segundo o gerente comercial do Atlético Péricles Souza, havia a previsão de que uma confusão assim poderia ocorrer. No entendimento do clube, quem pagou com o cartão de crédito deve se dirigir ao Espaço Sócio Furacão e acertar essa diferença entre o que foi pago no momento da associação e o valor agora reajustado.

Ontem vários torcedores tinham seus smart cards rejeitados nas catracas de acesso ao estádio e tinham que se dirigir a três guichês de atendimento localizados logo ao lado para averiguar a situação, pegar um papel amarelo e apresentar novamente nas catracas para entrada no estádio. Esse procedimento se mostrou bastante demorado, causando as confusões, xingamentos e tumultos na entrada na noite de ontem.

CONTESTAÇÃO

Advogados ouvidos pelo site contestam o entendimento atleticano sobre o pagamento com cartão de crédito. O reajuste deveria ser assimilado pelo próprio clube, pois o preço contratado pelo sócio foi o de R$ 600 anuais e dividido em 12 parcelas iguais de R$ 50, não havendo qualquer tipo de previsão de que, caso houvesse aumento, ele deveria ser pago pelo contratado.

Já o clube entende que somente quem quitou a vista a anuidade de R$ 600 não pode ter a diferença cobrada, pois quem parcelou pagava nada mais do que os R$ 50 mensais e deveria agora pagar os R$ 70 como os demais sócios.

A discussão está em aberto.

RECLAMAÇÕES

Desde as primeiras horas da madrugada desta quinta-feira, muitos torcedores tem entrado em contato com a furacao.com externando sua bronca com os problemas de ontem e também com o tratamento dado ao torcedor, tido como parceiro do clube.

“Presenciei vários torcedores que o SMART CARD deu problema e com isto o segurança ficava discutindo junto ao torcedor na catraca de entrada, congestionando todos os outros torcedores que estavam tentando entrar no estádio.
O que me indignou foi várias famílias que se encontravam com filhos menores, onde tivemos que fazer cordão de isolamento próprio para não serem pisoteados” - Jones Canarines, 41 anos.

“O que de concreto tenho é que, em conjunto com aproximadamente 400 pessoas (isso no momento que estava no local...), fomos obrigados a enfrentar uma fila de 40 minutos, perdendo, praticamente, todo o primeiro tempo do jogo até receber nos guichês um "papel amarelo" que autorizava a entrada no estádio. Não tenho dúvida que minha mensalidade, bem como a dos demais torcedores estava em dia, no entanto, os "smart card" não funcionaram.” - Eduardo P. Monteiro, 27 anos.

“Deixemos a emoção de lado, e tratemos da questão pelo lado racional: você consegue imaginar comprar um produto de R$600,00 em 12 vezes sem juros no cartão de crédito , e depois a loja te chamar pra pagar uma diferença, porque o fornecedor aumentou o preço da mercadoria ??? Esta atitude, acima de tudo, é ilegal. Nem precisa ser advogado pra saber disso.” - Cássio Ricardo de Matos, 28 anos.

Duas opiniões são quase unânimes dos torcedores : uma é sobre a falta de comunicação formal do clube com relação as pendências, ainda que o clube tenha divulgado nota sobre o assunto na última segunda-feira no site oficial. A outra é que o torcedor não pode ser tratado como mero consumidor e sim como parceiro do clube e em episódios como esse deveria ser liberada a entrada e que o clube retivesse o smart card do sócio para que o mesmo se visse obrigado a comparecer ao Espaço Sócio Furacão para normalizar sua situação posteriormente.

12 comentários:

Anônimo disse...

Imagine vc ir em uma loja de eletrodomesticos e comprar um DVD em 10 parcelas de R$20,00, depois de 15 dias o produto sobe e a loja te procura para te repassar o reajuste, já viu isso em algum lugar do mundo?

Anônimo disse...

Tá, mas e quem paga por débito automatico todo dia 10? Só esses torcedores (como eu) que pagariam com o reajuste?
Fica a pergunta.

Anônimo disse...

O MM fez cagada...Teria que ter reajustado em janeiro.

Anônimo disse...

O MM fez cagada...Teria que ter reajustado em janeiro.

JMK disse...

Sou associado e pago a mensalidade por débito automático.
Não vou reclamar do reajuste pois posso deixar de ser associado quando quiser sem ser obrigado a pagar até o final do contrato (um ano) mas, é principalmente pela Paixão que este Escudo Rubro Negro me provoca.
Lamento pelos que se associaram com dificuldades financeiras, mas se o CAP precisa... Por favor deixem a associação para quem pode pagar, sem criar empecilhos para o Clube do Coração!
Assim também estará ajudando o crescimento do seu Furacão.

Anônimo disse...

estapafurdia o JMK.
Não entendo esta diferença de tratamento que tínhamos no ano passado e agora. O que está havendo? o MM está cada vez mais perdido.

Matheus

Anônimo disse...

JMK

Seu comentario é um dos mais idiotas que eu já li, o que o cu tem haver com as calças? não tem nada haver de amor, ou ter ou não dinheiro. É uma questão de fraude, roubo, ou será que vc é um daqueles funcionarios que apareceu ontem em todos os jornais que tem jogador no seu nome (dono de jogador)...

saudações

Anônimo disse...

JMK, comentário infeliz!

Sabine Klimt disse...

Eu ja imaginava que isso iria acontecer. Assim que me convocaram para o "realinhamento" da parcela, fui pagar porque quero continuar socia para ter direito a voto, pra tentar fazer alguma coisa pelo Atletico. POrem sou totalmente contra este tratamento que o clube da ao socio. Ridiculo fazerem isso com quem pagou no cartao. Deveriam prever o aumento e nao aceitar esta modalidade de pagamento (na epoca que fiz no cartao nao tinham a quantidade de bancos para debito automatico que hoje oferecem), ou estudar muito bem o aumento, ou esperar terminar o contrato (que segundo o clube nao vale de nada porque eles podem alterar na hora e como quiserem), sei la. Sao varias as opcoes. Mas teve gente que pagou adiantado em dinheiro e tambem teve problema com o smart.Entendo que tudo no comeco e dificil, mas poxa, tem coisas que so acontecem no Atletico.

Thiago P disse...

comunicado foi, eu recebi um email informando que apos o dia X nao poderia mais entrar na arena sem regularizar a diferença.

fui ao espaço socio furacao e resolvi o problema em menos de 10min um dia antes do jogo.

quando cheguei na arena, vi a confusao que estava formada e logo imaginei que deveria ser por conta do reajuste, e nao deu outra. mtas pessoas indo embora revoltadas pela situaçao.

quando passei na catrataca o acesso foi liberado sem problemas, mas um amigo que tinha acertado no mesmo dia que eu ainda nao tava liberado, apresentamos os recibos (eu tbm levei o meu) e liberaram a entrada sem problemas.

tbm reclamei mto da forma como foi feito isso, uma coisa é aumentarem uma mensalidade, outra é reajustarem o valor de uma compra feita parcelada...mas como tenho pouca chance de ir na arena, acabei pagando pra ver....

abs

Geraaaaaldo disse...

Thiago, também fui comunicado, também fui regularizar minha situação e entrei sem problemas no jogo.

Abs

Anônimo disse...

Já ficou claro o PLANEJAMENTO do aumento, na noite anterior...
Guerrilheiro, por gentileza ao CAP dê uma pesquisada sobre como o Inter faz para comercializar lugares dos sócios que não comparecerão em determinado jogo, pois o MM quer reduir a despesa do telefone e para PA é interurbano. Prefere encher o saco da torcida ao invés de usar a cabeça de forma criativa e faturar mais que o aumento de vintão.
Enéas