sexta-feira, 31 de julho de 2009

Cuca ou Mancini

Da Gazeta do Povo:

Cuca ou Vágner Mancini. Um dos dois será o novo técnico do Atlético. A definição não deve passar do início da tarde de hoje, quando a delegação rubro-negra segue de ônibus para Londrina, onde enfrenta o Fluminense, do­­mingo, no Estádio do Café, cumprindo perda de mando. Após tentar Emerson Leão e receber não como resposta (por problemas particulares só deve voltar ao futebol em 2010), a cúpula da Baixada não desistiu de ter um treinador com prestígio e passagem por grandes equipes.

“Eu não quero fazer apostas. Prefiro a experiência nesse mo­­mento”, disse o presidente Mar­­cos Malucelli.

Os dois nomes favoritos para substituir Waldemar Lemos possuem empecilhos que impediram o acerto ontem, como pretendia a diretoria. Mancini quer trazer uma comissão técnica inteira para o CT do Caju. Fábio Mello, empresário do técnico, confirmou o convite atleticano, mas descartou que o acerto esteja próximo.

Já Cuca, demitido pelo Fla­­mengo na semana passada, afirmou que inicialmente preferia descansar e esfriar a cabeça após oito desgastantes meses na Gávea. No entanto, depois da ne­­gativa de Leão, a direção rubro-negra intensificou a pressão para convencer o curitibano a ficar na cidade – também tem sondagens do exterior.

O novo comandante terá de administrar um elenco que tem cinco jogadores afastados pela diretoria a partir de hoje. O lateral-direito Alberto, o zagueiro Antônio Carlos, o volante Zé Antônio, o meia Netinho e o atacante Rafael Moura estão fora das próximas rodadas do Bra­­sileiro.

Nenhum deles tem prazo para voltar. Oficialmente, por problemas de condicionamento físico. No início da noite de on­­tem, a reportagem telefonou para Netinho e Rafael Moura com a intenção de repercutir o assunto. Ambos alegaram que não haviam sido avisados sobre a decisão da diretoria.

“Chegamos de viagem, treinei e só vi que não estou relacionado (para o jogo com o Flu­­minense). Mas não fui informado sobre isso (afastamento)”, alegou o He-Man. “Só pos­­so dar uma posição quando souber de algo”, afirmou Ne­­t­­inho.

Retornando de uma operação no púbis, Netinho tem participado dos treinos, mas ainda não tem condição de jogo. Na entrevista coletiva em que se despediu do Fura­­cão (após a derrota para o Goiás, na quarta-feira), Wal­­demar Lemos foi questionado sobre um desentendimento com o meia.

“Tive um problema particular, mais a contusão e o Wal­­demar me auxiliou. Não houve nenhum tipo de problema”, negou o jogador.

No entanto, ainda em Goiâ­­nia, o diretor de futebol Ocimar Bolicenho falou em providências quanto ao grupo de jogadores. Nos bastidores, comenta-se que há problemas de relacionamento no plantel.

“Estamos afastando esses jogadores por questões físicas. Queremos que fiquem apri­­mo­­rando esta parte para me­­lhorar a parte técnica”, disse o presidente Marcos Ma­­lucelli, em entrevista à Rádio Tran­­samérica, negando que há também motivos disciplinares.

O preparador físico Riva Carli comanda os trabalhos de hoje pela manhã e também dirige a equipe frente ao Flu.

21 comentários:

Anônimo disse...

O que adianta trazer o Ferguson do Manchester United se a retaguarda está falha?
O que adianta Cuca ou Mancini?
Ambos foram jogadores apenas razoáveis e não poderão entrar em campo para fazer alguma coisa.
O que precisamos é de reforços. O problema é quem e de onde?
Mas o Malaceli paga ao Ocimar para fazer isso ou não?
Que diretoria perdida. Que tristeza ver um sonho se acabr assim.
Talvez eu me acostumei com Libertadores e de estar entre os grandes do Brasil.
Mas sou da velha guarda e apoiava o time até no Torneio da Morte do Campeonato Paranaense.
Vamos lá, Atlético!!!
Charlie

Anônimo disse...

Mancini eh claro,
mas naum adinta reclama, por que na era petraglia e gente tambem estava brigando pa naum cai.

Luiz Andrade disse...

Se for por experiência, sou mais o Cuca.

Luiz Andrade disse...

Afastaram 5, tá na cara que eram integrantes de uma panela, afinal He-Man já defendeu publicamente o Netinho, qdo a torcida começou a pegar no pé deste. Talvez o Marcinho apesar dos pesares não integra panela alguma. Um passo foi dado.

Anônimo disse...

Talvez a única panela que o Marcinho goste seja a de comida. É só olhar p a barriguinha do pequeno robusto,hehehehe...

Kaipora77 disse...

Poderíamos repatriar o Levir, pois não coloco muita fé no Cuca ou no Mancini, acho que eles não vão resolver nada. Também temos de contratar mais um zagueiro de qualidade, pois nossa zaga está uma peneira...

Sabine Klimt disse...

Ahh eu prefiro o Mancini, o Cuca chora demais! Apesar de que ele se diz atleticano ne? Sei la viu...vamos acreditar porque se a gente que e torcedor nao o fizer, quem o fara?

Anônimo disse...

O pior de tudo é que temos que acompanhar esse bando de molenga sem cerveja no estádio!

Anônimo disse...

Apoiado... para assistir jogos do Furacão deviam liberar a cerveja... pelo menos de alguma forma ficariamos alegres.

Victor Sosa disse...

mancini

Anônimo disse...

eeh vamo libera a marvadaaaaa.... liberaa a nossa beraa chega de bobagem jaaa viroo sacanagem

Anônimo disse...

alex mineiro fora
mais essa!!!

Anônimo disse...

to me sentindo no titanic

Anônimo disse...

to me sentindo no titanic

Anônimo disse...

Alex fora, Wallyson dúvida..

PUTAQUEOPARIU! Tá tudo errado!

Aproveita e coloca os juniores pra jogar! já tá tudo ferrado mesmo.

andré disse...

mancini não tem pulso forte!! o cap precisa disso, e o cucacaiiii...fodeu então!!!

Anônimo disse...

mancini não tem pulso forte!! o cap precisa disso, e o cucacaiiii...fodeu então!!!

(2)

Fernanda disse...

Eu fico aqui imaginando o que esses mau caráter aprontaram em termos de indisciplina e confusão para conseguirem o afastamento do grupo. Não desconfiava do Alberto, do He-Man e do Netinho, eu sabia. O Ze Antonio tem jeito de paga-pau, mas tenho certeza que o comandante dessa panela do mal é o Antonio Carlos, aquela cara de tongo dele nunca me enganou, ele é cria do Danilo e não vale nada. Espero que agora melhore o ambiente de trabalho...
Interessante é o bebucho do Marcinho não estar na lista...

E quanto aos nomes, tanto o Cuca quanto o Mancini, pelo menos, estão na série A há um bom tempo e conhecem os times, mas é aquilo, sem time, sem reforço e com zilhões de situações adversas, a probabilidade de não dar certo é bastante alta.

Anônimo disse...

O cuca é atleticano sim,
sua filhas tem cadeira na GV superior e tudo. Eu tenho uma Placar com a ficha do idolo do Cuca quando ele jogava no gremio, anos 80.
Time do coração: Atlético paranaense

Anônimo disse...

Sou mais o Mancini..
Depois que vi o Cuca em uma entrevista super passivo em relação ao baladeiro do Adriano que ia quando queria pros treinos, melhor não arriscar aqui senão ja viu! tem que botar ordem na casa isso sim.

Jane

Anônimo disse...

Colocar um técnico que aceite os cachaceiros [e pedir para cair pra segundona!!!!