sexta-feira, 10 de julho de 2009

Atrás de recursos para trazer Alex

Da Gazeta do Povo:

A cruzada do Atlético para repatriar o ídolo Alex Mineiro continua e agora pode envolver mais do que jogadores em uma troca com o Grêmio. A cúpula rubro-negra está correndo atrás de dinheiro para conseguir a liberação do atacante – vinculado à equipe gaúcha até o final do ano.

Após ver descartada a hipótese de mandar o lateral-direito Raul para o Olímpico (já estourou o limite de jogos pelo Furacão na Série A), a diretoria da Baixada partiu para outra estratégia: arrumar dinheiro para trazer o jogador.

A verba viria de um investidor ou de algum patrocínio acertado especificamente para viabilizar o reforço. Desde o início do ano, o clube gaúcho já investiu cerca de R$ 1,5 milhão no jogador (somando as luvas de R$ 500 mil e o salário que beira os R$ 200 mil).

O diretor de futebol gremista, Luís Onofre Meira, assegura que nenhum outro nome no elenco atleticano além de Raul interessaria para ser trocado. Assim, fica descartada a hipótese do zagueiro Rafael Santos estar nos planos tricolores. Portanto, só resta pagar pela liberação de Alex.

“Nenhum jogador do Grêmio é inegociável. O valor que pediríamos é uma coisa interna, mas creio que um negócio neste sentido (financeiro) seria o melhor para todas as partes”, comenta Meira, negando que o presidente atleticano Marcos Malucelli tenha feito novo contato depois de quarta-feira.

Alex solicitou a seus procuradores que esgotem todas as tratativas com o Furacão antes de ouvir proposta de qualquer outro clube. Fora dos planos no Olímpico, o atacante passou a semana fazendo reforço físico só será relacionado para o banco do Grêmio no jogo do fim de semana (domingo, contra o Corinthians) se não houver outra opção.

“Uma hora a coisa vai acabar se definindo, mas agora está emperrada pelo preço que o Atlético está pagando. Em outros momentos, o Atlético sempre fez jogo duro para liberar jogadores. Em 2007, o Grêmio já queria o Alex e ofereceu o Felipe Mattioni (lateral-direito, hoje do Milan) que estava na seleção sub-20 em troca. Não quiseram nem conversa e sempre pediam quantias altas”, revela Marcelo Robalinho, um dos agentes do artilheiro.

De graça, o Grêmio aceita liberar outros cinco jogadores: o lateral-direito Joílson, o esquerdo Jadílson, o zagueiro Rafael Marques, o volante Makelele e o atacante Jonas. No entanto, segundo o diretor de futebol Ocimar Bolicenho, nenhum deses interessa ao Atlético.

6 comentários:

Anônimo disse...

do blog de nadja mauad:

Acabei de conversar com o empresário do atacante Alex Mineiro, Bruno Paiva sobre o interesse do Coritiba no jogador. No mês passado eu escrevi aqui no blog que o Coxa tinha feito uma sondagem no jogador, o que Paiva me confirmou. “Já faz algum tempo que o Coritiba sondou o Alex, é um dos interessados”, disse.

O empresário ainda me disse que além de propostas da dupla Atletiba, o Grêmio recebeu ofertas de outros clubes.“Muitas opções já chegaram até o Grêmio, só que depende de muita coisa. Propostas daqui e do exterior. Está tudo muito indefinido ainda”, afirmou.

Tentei contato com o diretor de futebol do Coritiba, Homero Halila, mas o dirigente não atendeu as ligações. Através da assessoria de imprensa, o alviverde afirmou que não confirma negociãções, mas negou que o goleiro Edson Bastos estivesse envolvido em uma possível troca.

Henrique Guerra disse...

O que mais me irrita na diretoria não é não contratar. Sei que as coisas andam difíceis e que a grana está curta. O que me irrita são esses modelos de declarações de time pequeno. Parecemos um bando de coitados, um bando de pés de chinelo. Isso fere os brios e baixa a estima de qualquer torcedor. Ah, vamos tentar arrumar uns "merréis" pra contratar o Alex. PQP!! Coisa mais ridícula. Não precisamos esnobar o que não temos e dizer que vamos trazer Kaká e Cristiano Ronaldo, mas vamos motivar a torcida com declarações mais contundentes e firmes.
Que saco!!
E outra, Alex Mineiro no coxa eu rasgo o baralho e faço questão de cuspir nele se jogar na Baixada. Ele pode gostar de nós, mas ainda acho que Ricardo Pinto, Kleber Pereira e Geninho são os que nos amam. Não sei pq, mas aquele sentimento de atleticanismo da Velha Baixada me faz sentir isso. Rezo para que esteja errado.

Bruno disse...

Eu duvido q o Alex jogue um dia no coxinha!!!
O carinho q ele tem pela torcida é real, não é marketing!!Claro q a grana pesa, ms se for pra sair do Grêmio ele irá pra qualquer outro time, menos p o verdinho!!Ele sabe q a torcida rubro-negra JAMAIS o perdoaria, e não trocaria a história q ele tem no CAP em troca de alguns cascalhos a mais na conta!
Agora, se isso um dia acontecer de fato, aí eu já não sei de mais nada...

buenooo disse...

lembram do goleiro flávio, que em um jogo só conseguiu fazer o estádio inteiro se voltar contra ele?

foi foda aquele dia.

Anônimo disse...

se perdemos uma disputa do alex para os porcos, troca a diretoria toda...


O ALEX SÓ É O "MAIOR JOGADOR DE TODA NOSSA HISTORIA" FEZ QUASE UMA DUZIA DE GOLS NAS FINAIS DE 2001.

DIRETORIA ACORDA, VAI RODAR BOLSINHA E SE VIRA PARA ENCONTRAR ESSA GRANA QUE O GREMIO ESTÁ PEDINDO.

ABRAÇOS!

Anônimo disse...

COM O DINHEIRO PARA TRAZER O ALEX, DEVERIAM TRAZER UM JOGADOR MAIS JOVEM.