sexta-feira, 3 de abril de 2009

A Petrobras e os clubes

Após 25 anos, acabou a parceria entre a Petrobras e o Flamengo. A companhia petrolífera estampava sua marca na camisa do do rubro-negro carioca, mas como se trata de uma estatal exigia uma série de certidões negativas junto ao governo federal - o que, é claro, o clube mais caloteiro do país não estava conseguindo.
A grana não era pouca: quase R$ 15 milhões anuais.
Pois bem, atualmente cinco clubes da primeira divisão do Brasil estão sem patrocinador-master: Furacão, Atlético-MG, Cruzeiro, Vitória e agora os coxas.
A companhia estatal e multinacional teria um incremento fantástico em termos de mídia se estampasse sua marca nas camisas desses times pagando R$ 3 milhões anuais a cada clube (o mesmo valor, por exemplo, que a dupla Gre-Nal recebe do Banrisul, que patrocina a ambos).
Ou então três desses clubes a R$ 5 milhões. O Furacão entre eles, é claro.
Bem que a estatal poderia pensar grande e fazer este bem ao futebol brasileiro. Seria uma grande ajuda nestes tempos de crise ecocômica.
E, para a Petrobras, uma grande tacada de marketing.

10 comentários:

Anônimo disse...

Se não estou enganado a batavo é de castro e está patrocinando time paulista, bem que empresas paranaense poderiam patrocinar nossos times.

Anônimo disse...

É isso aí, a COPEL patrocinaria o CAP e a sanepar o coxa. hahaha

Luiz Andrade disse...

A Batavo foi adquirida por uma multinacional, se não me engano a Parmalat, não sei se durante a crise pela qual esta passou a revendeu para outra.
Caso o anônimo das 19:28 desconheça temos grandes empresas privadas, instaladas no território paranaense.
O Guerrilheiro já citou o fato de o gov do RS ter "incentivado" a GM a patrocinar a dupla GRE-NAL, Pq não fizemos o mesmo com a Renault, que recebeu benefícos fiscais?

esou disse...

As Patrocinadoras querem ver suas Empresa divulgadas a "8" cantos do planeta. Não fazendo exigências especiais com a Mídia com certeza teremos bons patrocínios.

Filipe disse...

nao tem que fica pensando em atletico mineiro vitoria cruzeiro e muito menos nos nazistas malditos, tem é que se preocupa com nois, imagina 14 milhoes anuais o que o furacao iria vira, pow a gente tem que se preocupa com nois nao com esses vagabundos, ao menos uns 10 milhoes, so pra nois, ja que o flamerda vagabundo nao consegue paga ninguem nem com esse puta patrocinio bem feito que perderam, mas essa grana poderia vim pra k limpinha!!!

e quanto as empresas que tem sede aqui no parana enquanto esse porra do requiao fika no comando nao vamos ter insentivo nenhum!!!

Anônimo disse...

Patrocinio não é ajuda, não e doação. Patrocinio é investimento e que investe quer retorno. A batavo investe em um clube paulista porque esse clube vai aparecer na tv 40 ou 50 vezes ao ano.Quantos jogos pela TV aberta em carater nacional serão exibidos do Furacão ? 2 no maximo 3. O resto só em pay per view.A midia nacional sabe disso e direciona toda a sua atenção a clubes cariocas e paulistas temendo um crescimento dos clubes do sul. não interessa isso a eles. Aliás, o torneio sul minas foi extinto justamente no momento que mais crescia, e lembrando que o sul minas não dava lucro para as federações, somente para os clubes. Jamais a Petrobrás irá patrocinar um clube que tem pouca exposição na midia nacional. A umbro já acena deixar o clube. Além do puco retorno com vendas de camisas, o clube passou-lhe a perna nas camisas retrô. Temos ainda o fato de que o clube há 3 anos vem tendo um desempenho pífio nas competições que disputa. A salva~ção será a Copa na Arena. Quem sabe ai aparece alguém.

This is reality my friends.

SRN

Anônimo disse...

a sanepar patrocinaria os xoxas por causa da rede de esgoto...rsrsrsrsr

Bruno disse...

Excelente observação guerrelheiro!

Anônimo disse...

Guerilheiro, a PETROBRAS não renovou com o Fla justamente por causa da crise. Essas CNDs e outros documentos exigidos o time carioca já não consegue há muito tempo. Mas era levado com a barriga.

Espere sentado a empresa querer patrocinar outro time.

Se bem que um negro chamado Hussein governa os EUA hoje...

É. Talvez.

Anônimo disse...

o comentário 4 de Abril de 2009 22:17 é perfeito!
SRN

Gustavo