sábado, 14 de março de 2009

Campeões, nos pênaltis

O capitão Rhodolfo levanta o troféu do USA/Brasil Challenge.
Um titulozinho de vez em quando vai vem, nem que seja de um torneio amistoso. E o Atlético levantou na noite deste domingo o primeiro caneco do ano, ao vencer o 3º USA/Brasil Challenge, contra o Dallas.
Com a bola rolando, os norte-americanos venceram por 1 a 0. O time titular, desfalcado apenas de Valencia, fez um péssimo primeiro tempo. Na segunda etapa, Geninho fez as sete alterações que eram possíveis e o time melhorou bastante, com boas participações de Julio dos Santos e Lima - que chegou a marcou um gol após o goleiro ter rebatido com a mão fora da grande área, mas o árbitro ignorou a vantagem e marcou a falta, expulsando o arqueiro em seguida. Mesmo com um jogador a mais, o Atlético não conseguiu chegar ao empate.
Como a primeira partida terminou em 4 a 3 para o Furacão, na Baixada, o título foi definido nos pênaltis. Os cinco cobradores do rubro-negro marcaram, enquanto Galatto (que entrou no segundo tempo no lugar de Vinicius) defendeu a cobrança do ex-atleticano André Rocha, para o Dallas. Lima marcou o último gol do Furacão e garantiu o troféu.
•••
O Atlético não fez uma boa partida, e a participação de alguns jogadores foi decepcionante. Já o bom desempenho de alguns dos reservas no segundo tempo serviu para mostrar que ninguém é titular absoluto.
Valeu pelo troféu - é mais um torneio internacional pra galeria no CT do Caju.
Agora, é se concentrar porque domingo que vem retomamos a realidade do Campeonato Paranaense. Sai o Pizza Hut Park, em Frisco, e entra em cena o Waldomiro Wagner, em Paranavaí.


11 comentários:

Anônimo disse...

Essa eu quero conferir!
No "meu micro" (hehe)o Gustavo bateu a direita da trave, para fora...como o dono dava umas travadas de vez em quando e nem no replay a rede balançou...

geraaaaaldo disse...

golaço foi o pênalti batido pelo Pimba!

thyago disse...

Lima, de novo ele, o iluminado decidindo um título para o furacão.

Anônimo disse...

O último penalti sempre eh do LIma!!!!

thyago disse...

Agora lamentável foi a narração. O jogo inteiro o cara confundiu os nomes do Alex Sandro e do Márcio Azevedo. Será que ele não leu a lista dos escalados da partida?

Pelo visto, Dallas também tem o seu Jason Goulart.

Malu disse...

Concordo plenamente que algumas participações foram decepcionantes (né Sr. Netinho e Sr. Rafael Moura...) mas o jogo foi bom para um amistoso - ninguém foi inocente de acreditar que os caras iriam entrar com tudo né...

Eu gostei da transmissão - o narrador era super simpático, um fofo! Ele era ex-jogador: não tem como exigir uma transmissão a lá Galvão Bueno do rapaz... e eu me matava de rir com ele falando "Vinixius...", "Tico..." e "Rulio Cesar..."
hahahhahahha

Parabéns aos meninos, mas agora é respirar o ar texano e voltar pra cá buscando mais tútulos!

Fran disse...

Valeu timeeeee.... Parabéns ao elenco e ao nosso ídolo Gallato e Geninho, que aliás foram GÊNIOS. Mesmo porque merecem sim, afinal de contas jogar no Texas, sendo amistoso, foi um jogo que vai ficar em nossa memória eternamente. Ahhh como é bom ser
rubro negra.

Anônimo disse...

NOSSA, VO ENCHE A CARA DE TANTA FELICIDADE...


CAVALO.

Anônimo disse...

como era burro aquele cavalo...

Anônimo disse...

Sim, aquele cavalo era burro e para piorar de cara cheia, hehehehe.
Seria um pagaré do gionédis escondido por aqui??
Acho que até não, assinaria eguinha pocotó...

christian disse...

Parabens FURACÃO, más tá na hora do Galatto voltar no lugar do entrega titulo.