terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Inveja

Dando uma espiada no Bahêa minha porra descobri que lá na Bahia, no campeonato baiano, continuam a vender cerveja nos estádios, mesmo na capital.
Ah, que inveja.
Desse jeito eu me mudo pra Maracangalha.

10 comentários:

Rodrigo disse...

Domingo em Paranaguá tbm tinha cerveja pra vender.

Anônimo disse...

PARE DE RECLAMAR!!!
Só Reclama até parece q vai morrer se ficar sem cerveja!!!

GUERRILHEIRO DA BAIXADA disse...

Morrer não, mas vou passar uma sede do cão!

Anônimo disse...

beba guarana

GUERRILHEIRO DA BAIXADA disse...

Meu amigo, gosto é de tomar cerveja, chopp, cachaça, mé, branquinha, rum, steinhäger (opa!, mais uma palavra que continua com o trema!), é um direito meu e vou continuar a falar dessa babaquice até o dia que liberarem a gelada no estádio, nem que leve 80 anos.

Vagner disse...

isso ai Guerrilheiro, jogo sem cerveja é a mesma coisa que cinema sem pipoca!

Não dá... Ainda mais qndo houver em campo times horriveis, como foi o ano passado!

Ta apoiado!

Anônimo disse...

"Eu bebo é para ficar mal, porque se fosse para ficar bem, eu tomava remédio..."

Fernanda disse...

hahahaha... Guaraná???

Anônimo disse...

Tome antes, depois po voce tem 1.000.000 de horas pra tomar cerveja, incentive mais os jogadores , grite o tempo todo que se esquecera da bera.

Anônimo disse...

não existe coisa melhor do q assistir o FURACÃO tomando uma cervejinha !!!