quinta-feira, 30 de outubro de 2008

O mais querido é também o mais lembrado

O Clube Atlético Paranaense faturou, mais uma vez, o prêmio Top of Mind do Paraná, como time de futebol do estado mais lembrado pelos paranaenses. A pesquisa é feita anualmente pela revista Amanhã para levantar quais são as marcas mais fortes dos três estados da região Sul. É a 11ª vez (a nona consecutiva) que o Furacão fica em primeiro lugar, em 13 edições da premiação.
O quadro acima mostra uma verdadeira lavada em todas as regiões e classes sociais pesquisadas. Seja classe A, B, C, D ou E; more em Curitiba, na RMC ou no interior: o povão conhece mesmo é o Furacão.
Veja como o site da revista noticiou a premiação:
Vitória fora de campo

O Atlético Paranaense prometeu e cumpriu. Na última edição do Top of Mind, o clube anunciou que faria uma campanha para conseguir uma legião de sócios para a equipe da Arena da Baixada que, na época, tinha apenas 3 mil torcedores fidelizados. Em pouco mais de um ano, o Furacão conseguiu 17 mil novos associados. Para isso, o time criou uma série de estratégias, como oferecer 50% de desconto aos moradores do interior.

Outra inovação foi permitir que o torcedor fizesse sua inscrição via internet. Nem mesmo os maus resultados do time baixam o ânimo dos dirigentes (o clube corre o sério risco de ser rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileiro).

"Independentemente do momento de campo, o torcedor entendeu que futebol é feito de altos e baixos. Isso, por si só, já é uma vitória", comemora Mauro Holzmann, diretor de marketing do clube. O Furacão tem muito o que celebrar. Pela nona vez consecutiva, foi o vencedor na categoria Time de Futebol no Top of Mind, com 31,8% de lembrança. Sobrou ao eterno rival, o Coritiba, a eterna vice-liderança.

  • Para ver quem foram todos os vencedores do Top of Mind 2008, clique aqui.

4 comentários:

PFC disse...

Quero que se foda o TOP OF MIND, quero ganhar dentro de campo, ganhar títulos e não popularidade.
Vale lembrar que chegamos ao número expressivo do sócios na época que aproximavamos do record de 49. Ainda bem que é débito em conta ou cartão de crédito, senão haveriam muitos inadimplentes e/ou desistências. A maioria só apoia quando o tive vai bem. Tive cadeira na GVSUP e GVINF e o pessoal só sabe xingar e ir embora mais cedo. Mudei minha cadeira para próximo a fanáticos, que realmente é FODA.

Anônimo disse...

mudou minha vida !

Anônimo disse...

Debaixo do sol não há nada novo.
__________________
profano.

Anônimo disse...

Ô gente mal humorada... 2x1 CAP hoje contra o vasco.