domingo, 23 de março de 2008

Pimba e Wally podem jogar contra o Iraty

Matérias da Tribuna do Paraná e da Gazeta do Povo deste domingo dão conta de que o garoto Gabriel "Pimba", de 17 anos, pode ganhar um lugar no time titular para a partida desta tarde, contra o Iraty. Entraria no lugar do experiente, mas ainda pouco convincente, Irênio.
E, no banco, pela primeira vez neste campeonato o jovem Wallyson, o "Possesso", de 20 anos, ficará à disposição do técnico Ney Franco.
Como trata-se de jogo decisivo, não sei se Ney sacará mesmo Irênio do time. É difícil a decisão do treinador: optar por colocar um moleque com a 10 justamente num a partida de vida ou morte...
Mas é aquela velha história: craque não tem idade. Ontem eu estava assistindo a uma entrevista de Paulo César Caju no programa de Juka Kfouri, na ESPN Brasil. E ele contava como começou a carreira de profissional no Botafogo: "Foi numa final de campeonato contra o América., com 140 mil pessoas no Maracanã. Eu tinha 16 anos. E fiz os 3 gols do Bota, que ficou com a taça". Mudei de canal, e no SporTV estava passando um programa sobre o início de carreira de grandes craques. Rivaldo, aos 18, era titular do Santa Cruz. Kaká, aos 17, estreou no São Paulo.
Pois é... Ney Franco acompanha nos treinamentos essa garotada que subiu para os profissionais. Ele é quem sabe se o Pimba tem ou não bola para ser o 10 do Furacão. Não dá pra deixar de colocar o guri pensando, antecipadamente, que ele pode sentir a responmsa e "afinar". E, se Wallyson estiver totalmente recuperado da lesão que o deixou no DM por alguns meses, deve entrar também na partida, nem que seja no segundo tempo.
Afinal, craque não tem idade.

Um comentário:

Luiz disse...

Pô, que post profético hein?
Não só o Ney colocou o PIMBA como ele foi decisivo no jogo?
Favela tremei, quinta-feira será a hora da verdade.