quarta-feira, 26 de março de 2008

A gralha gay

A gralha gay, novo mascote do time da favela, reclama das condições do puxadinho:
"Mas que droga esses postes aqui no estádio da RFFSA, não consigo ver o jogo!"

Não havia comentado isso aqui ainda, mas vem cá: que coisa mais ridícula a tal da gralinha do Paraná hein? Parece mais um personagem de Vila Sésamo. Só que homossexual. Me contaram que, na última partida no estádio da Rede Ferroviária, o tal mascote desceu de cima do viaduto por uma corda... e, quando aterrissou no gramdo do puxadinho, levou aquele pacote... kkkkkk... Diversão de parasita favelado é assim mesmo, meio tosca.
Amanhã vamos lá, dar uma sova na gralha gay de pernas finas. Só não vão jogar pipoca pra gralinha, porque ela é capaz de se jogar no chão fingindo que foi violentamente agredida e o Atlético pode ser denunciado junto à Sociedade Protetora dos Animais.

5 comentários:

Anônimo disse...

HAHAHAHAHAHA!! PARECE MESMO AQUELE PERSONAGEM DA VILA SÉSAMO!!!...SÓ NÃO GOSTEI DA "DIVERSÃO DE POBRE É MEIO TOSCA"...EU SÔ POBRE PÔ!!! MAS SÔ MUITO FELIZ!!

GUERRILHEIRO DA BAIXADA disse...

eu tambem, mas pobre não precisa ser ridiculo como os parasitas

Anônimo disse...

Pintaram o Garibaldo de azul...
Que falta de imaginação, se ainda dessem os créditos.
Tudo vai dar certo hoje e a tal gralhinha vai passar um tempão no veterinário!!!
Abs
Carlos

Anônimo disse...

E hj que vamos socar nos paralixo,parazitas,time de fusão hauhauhuah na hora do gol os jogadores poderia comemorar comendo bala e se jogando no chão hauhauha

Batistuta disse...

EU TBM SOU POBRE , MAS ESSA GRALHA EH RIDICULA KKKKKKKKKKK