quinta-feira, 21 de fevereiro de 2008

A frase

Eu, particularmente, não esperava que seria assim. As luzes apagadas, aquela festa e o hino. Chegou a arrepiar. Os jogadores de 49 torcendo para gente. É uma coisa que marca. Ficamos balançados só em falar. Sem palavras mesmo. Não sabíamos o quanto esse recorde significava para a torcida. Todos estavam falando dessa marca agora, mas quando chegamos não esperávamos isso. Agora temos que comemorar, mas sempre com os pés no chão
Claiton, o Predador, após a partida de ontem, em entrevista à Gazeta do Povo.

Nenhum comentário: