quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Sem Rodrigão, Atlético faz 3

Após um modorrento primeiro tempo contra o Cascavel, o técnico Ney Franco promoveu duas substituições durante o intervalo: colocou Willian e Marcelo Ramos nos lugares de Michel e Rodrigão. Aos 20 minutos da segunda etapa, o Furacão já vencia por 3 a 0 - gols de Jancarlos e Marcelo Ramos (2). Resultado que se manteve até o apito final do árbitro.
O Furacão chegou aos 15 pontos e se mantém como líder isolado e único time com 100% de aproveitamento no Campeonato Paranaense.

5 comentários:

Ricardo disse...

15 pontos... =P

nois_na_fita_ctba disse...

15 pontos.... 5 vitorias x 3 pontos em cada... = 15 pontos..

hehehehe... brincadeirinhas a parte nao sou nem Rodrigao e nem Marcelo Ramos... ainda acho que deveriam ter trazido outro atacante com mais qualidades..

quando será que o Wallyson, o "possesso" tera realmente condicoes de jogo?

abraços e saudacoes RUBRO-NEGRAS!!!

Caveira disse...

Fazia tempos que eu não via o Atlético como auqele que esteve em campo no segundo tempo. Obrigado Senhor! Tamo melhorando.

Caveira disse...

Fazia tempos que eu não via o Atlético como auqele que esteve em campo no segundo tempo. Obrigado Senhor! Tamo melhorando.

Rubro-Negro. disse...

Engraçado, pela segunda vez consecutiva o Michel sai do jogo no intervalo, e o Atlético ganha terreno e sai com os três pontos. Coincidência ou destino? Fica a dúvida!