quinta-feira, 17 de janeiro de 2008

Parou geral

Petraglia e Fleury anunciaram agora há pouco: parou geral! As adesões ao sócio Furacão 2008 estão temporariamente suspensas até consertarem o tal do sistema.
Segundo informações do site oficial, o clube contratou uma empresa de auditoria, especializada na área de informática, para descobrir as causas dos problemas técnicos. "Estamos indignados, mas não temos outra solução. Nosso sistema não resistiu, entrou em colapso. Ele operou com grande dificuldade nesses dias, deu pane e parou. Ainda não temos as razões da pane, o motivo disso tudo", disse Petraglia. "O sistema que foi implantado passo a passo apresentou falhas inaceitáveis e para que não houvesse uma contaminação geral ao sistema do clube, decidimos pela interrupção dos trabalhos. Agora, as empresas vão trabalhar em tempo integral para retomar o processo de angariação", afirmou. "Nós sabemos que o Atlético Paranaense é muito mais que uma chama, jamais o torcedor vai se abater por isso", declarou Fleury.
O negócio é ter um pouco paciência. O que ficou bem claro é que a torcida está ávida para aderir a este plano. O Atlético certamente chegará aos 15 mil sócios assim que o sistema voltar a funcionar.

Nenhum comentário: