terça-feira, 15 de janeiro de 2008

E somos a maior! Grande novidade...


Mais uma pesquisa, mais uma vez a constatação: o Atlético é o time paranaense com maior torcida, segundo levantamento feito pelo DataFolha, um dos institutos mais respeitados do país. Em Curitiba, 22% da população torce para o Furacão; contra 17% de coxinhas e 10% de parasitas. Depois vêm Corinthians, com 5%; São Paulo, com 4%; Palmeiras e Flamengo, com 4% cada. Os coxinhas vão chorar, vão espernear, vão relutar novamente contra os números, vão dizer que o Petraglia comprou também o DataFolha, etc etc etc. Mas não adianta: quem manda nesta cidade é a Nação Atleticana! Mas isso nem é mais novidade: todas as pesquisas anteriores já apontavam números parecidos com estes. E mais: quanto maior o universo de entrevistados, maior é a diferença entre o Atlético e o segundo colocado, o que mostra que ela pode ser realmente ainda maior.
O problema é quando se avalia o estado como um todo: segundo o DataFolha, levando-se em conta todo o Paraná os times paulistas se destacam: 15% declaram torcer para o Corinthians e 10% para o Palmeiras; o Atlético fica com 7%, percentual idêntico ao obtido pelo São Paulo; enquanto o Coritiba tem 6%, mesmo percentual registrado pelo Flamengo e pelo Santos.
Essa falta de identidade no interior do estado é um verdadeiro cancro para os times da capital; esses números evidenciam as dificuldades para se conseguir um patrocínio decente ou na hora de pleitear uma divisão mais justa do bolo das verbas da TV - o que só enaltece ainda mais esta diretoria que está à frente do clube.
Na modesta opinião deste guerrilheiro, esse deveria ser o principal ponto de ataque do marketing do Furacão: tentar conquistar cada vez mais torcedores no interior, já que em Curitiba já somos líderes. Mas não se trata somente de ações de marketing: os títulos são fundamentais.
E, se os coxinhas me permitem, vai uma sugestão: ao invés de ficar batendo a cabeça na parede, relutando contra os números e iludindo a si próprios, deveriam admitir que são "vice" e também tentar combater essa presença maciça dos times de fora no interior. Mas, enquanto isso ficam aí com suas picuínhas, com seus torcedores preocupados se os atleticanos vão ou não levar bumbos no Tremendão. Um complexo de inferioridade que vai acabar puxando os pobres azeitonas cada vez mais para baixo.

5 comentários:

Anônimo disse...

COM BATERIA OU SEM BATERIA, VAMOS, COMO SEMPRE, CALAR OS PORCOS DENTRO DO CHIQUEIRO, AFINAL, A "TORCIDA" DELES SO GRITA QUANDO E GOL OU UM LANCE PERIGOSO, ELES SABEM DISSO....DOMINGAO!!! 3 A O EM CIMA DAS PAQUITAS!!!!

Anônimo disse...

Galera vamos mostra para os paquitas como se ganha no campo sem violencia vamos dar o exemplo pq ele vai ter o jogo de volta no SANTURAIO RUBRO NEGRO mesmo sem faixa,bateria... vamos mostra para os paquitas como e bom ganhar no dele no pinga mijo.vai ser 2x0 Ferreira,Rodrigão.

Anônimo disse...

Quando você se refere ao "Tremendão", está se referindo ao estádio Erasmo Carlos, certo?

GUERRILHEIRO DA BAIXADA disse...

rsrsrs exato, o "Treme-Treme", "Pinga Mijo" ou simplesmente "Chiqueirão".

JaRdiM Jamaik... disse...

"e soMos a maIor do Sul do Brasil e qen nauM gosta vai paH puta q paRiu"
gosTen oU nauM o ATLÉTICO teN a maIor torcida, o melhor time, o melhor estadiO, etC...Os cOxinHas vãO ter q demuli o estádiO deles "(Naum vale um oVO)", os ParasiTAs eternamente Lah na Vila CapaneMa(SEnpre a msmA poRcarIa), os coXainhas sãO maIs 12 poNtos, 6no paraNaense e mais 6 no braSileirO, o paZitas nem c fala, cairan paH seGunda do brasileiro e agora vão cai pah Segunda do paraNAense...aGora vamOs faLar do noSsoO furacãO, esse tIme eH maraVIlhoso, teM tudo q um atléticano qeR "raça, força,tradição ,amor" por isSoO q eh o noSsO time...faLOw aBraçoO
(Zona sUl =zOna sHoW) 15 anOs eH noIs ...