quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

"Padrão Fifa": bandeiras liberadas

Assistindo hoje de manhã à partida entre Urawa Reds e Milan pelo Mundial de Clubes, veio-me um questionamento. Se num evento deste porte, padrão Fifa, com o estádio totalmente lotado, cheio de não-me-toques quanto à segurança, a torcida pode levar aquelas dezenas de bandeiras que ajudam a embelezar o espetáculo, então por que raios na Baixada não pode? Sim, os torcedores pagam ingresso para ver o jogo, mas que a festa da própria torcida é um incentivo para muitas pessoas irem aos jogos, isso é inegável.
Certa vez, um harleyro me disse: "Quando você viaja de carro, admira a paisagem. Quando você viaja de Harley, você faz parte dela". O futebol tem um pouco disso. Vários torcedores vão para assistir ao espetáculo; mas muitos deles, aqueles mais fanáticos, principalmente os mais jovens, querem fazer parte dele.
E, modéstia a parte, a torcida do Atlético faz um dos espetáculos mais bonitos do sul do mundo - quando permitem.
É ou não é?

9 comentários:

Anônimo disse...

Simples.
Porque aqui no Brasil (até mesmo na Arena), sempre vai ter algum marginal que na primeira oportunidade vai dar uma paulada em juíz, bandeirinha ou jogador e prejudicar o clube.
Se temos animais que jogam copos, pilhas, pedras, etc, no campo; imaginem o que fariam com um mastro de bandeira à 5 m do campo.

GUERRILHEIRO DA BAIXADA disse...

Erro foi deixar entrar com bandeira dentro do campo, até que deu merda num jogo contra o Paraná. Aquilo sim, eu nunca vi em lugar algum do mundo. Mas eu vejo um exagero na restrição a bandeiras na arquibancada. Não digo nem em relação às bandeiras grandes, com mastros de bambu, que as organizadas costumam levar. Mas você já viu a torcida do grêmio no Olímpico? Eles, os torcedores "comuns", levam milhares de bandeirinhas menores, e fica muito bonito. Isso eu acho que precisa liberar imediatamente, é só botar uma regra que o mastro precisa ser de plástico, por exemplo. E ainda acho que dava, além disso, para liberar uma ou duas bandeiras da organizada, com nome, RG, endereço dos responsáveis por ela, e com a segurança de olho nos cabras. Entendo sua preocupação, mas eu temo mais quem leva uma bomba escondida na zorba do que quem leva uma bandeira.Seu eu fosse diretor do CAP, liberava com uma condição: "alô torcida, estamos fazendo isso por vocês, mas se der uma única merda as bandeiras serão proibidas e não quero nem ouvir encheção de saco".

GUERRILHEIRO DA BAIXADA disse...

Aliás, acho que essas bandeiras menores deveriam é ser vendidas nos quiosques da Arena em dias de jogos. Venderiam muuuuuuito mais do que cachecóis.

Anônimo disse...

Brasileiro é foda. há campanhas para se proibir inclusive as torcidas organizadas. Na Inglaterra e Italia os torcedores se matam e imprensa tupiniquim publica uma notinha sobre o fato. Aqui na Arena voa um copo vazio com o vento e FDP´s como o Milton Neves fica um mes falando que a Arena não tem segurança. Acho que a diretoria deveria liberar sim pois essa proibição é exatamente o que nossos adversários e inimigos querem. Os torcedores precisam aprender a se comportar e enfiar o mastro da bandeira no cú dos coxas só no meio da rua.Ah!!!Depois tem que trocar o mastro porque cú de coxas deve ser foda....

Hélio Rubens Godoy disse...

Guerrilheiro, você está certo. Tem mais é que liberar as bandeiras mesmo, seja pequenas ou grandes. Para o povão poderiam ser bandeiras de 1,0x1,5 ou 1,5x2,0, para as organizadas algo maior, com mastros e bandeirões, enfim, tudo para engrandecer a festa rubro-negra. O foda é ir na Baixada e ter a sensação que está no Guaíra, não dá. Concordo que temos de cuidar para que não haja objetos atirados em campo, mas com o aparato de segurança do estádio e a progressiva conscientização dos torcedores, a chance disto ocorrer é cada vez menor...
LIBERA AS BANDEIRAS E FAIXAS!!! LIBERA AS BANDEIRAS E FAIXAS!!!

Anônimo disse...

Em 2001 era tudo liberado faixa, bandeira,fumaça,sinalizadores? A diretoria fala que por causa dos donos dos camarotis que atrapalha avisão. mais todos os jogos que eu fui esse ano não tinha ninguem la ! vai entender

GUERRILHEIRO DA BAIXADA disse...

Caro, pelo que me lembro as bandeiras sempre foram proibidas, exceto um curto período em que a diretoria permitiu que integrantes da Fanáticos entrassem no gramado antes dos jogos com duas bandeiras. Agora, esse lance dos camarotes na BAINF é realmente de se estudar. Se nunca tem ninguém ali, não sei para quê mantê-los. Poderiam dar lugar a mais lugares de arquibancada. Até porquê, com a ampliação do estádio, vai ter camarote que não acaba mais. Essa é mesmo uma boa idéia: aumentar o espaço de arquibancada na Buenos Aires Inferior. Taí, gostei.

Anônimo disse...

Concordo com vc GUERRILHEIRO mais os donos dos camatotes so vão em jogos grandes esse tempos, eu conversei com ums dos dono la na baixada ele disse que não atrapalha o que ele não gostava era das fumaças.Ainda espero ver ARENA como era antes

Anônimo disse...

Claro que devia!
Qual o Problema da entrada de Bandeiroes com Mastro!! A torcida do Flamendo,Vasco...Todos usam!e por que nois nao Pode?
Vamo Protesta com ISso!!!!!!
eu quero ve o jogo eo ESPETACULO