terça-feira, 13 de novembro de 2007

O melhor Atlético de todos os tempos

O Coração Valente está na minha seleção.

A Gazeta do Povo anuncia para a próxima segunda-feira a escalação do “time dos sonhos” de Atlético, coxa e paranito, eleitos por uma seleção de torcedores e jornalistas.

Estas eleições de “melhor time de todos os tempos” são sempre complicadas. Como comparar os velhos heróis – que muitas vezes nem vimos atuar, apenas ouvimos falar – com os jogadores mais recentes, cujos feitos e jogadas ainda estão vivos em nossa lembrança? Uma missão bastante difícil...

Adiantando-me ao vetusto periódico, arrisco a publicar aqui no Blog o meu Atlético de todos os tempos – ciente de todas as injustiças que estarei cometendo com tantos nomes importantes que ficarão de fora.

Acabei optando por um 4-4-2, com apenas um volante (um time tanto quanto aberto demais para os padrões atuais).

Segue:

Goleiro

Caju. Na minha lista aparecem ainda Roberto Costa (um dos meus primeiros ídolos no Furacão), o tricampeão paranaense Marola e o campeão brasileiro Flávio. Já Caju, Alfredo Gottardi, é um daqueles que nunca vi jogar, mas que se tornou um mito. Além de vir de uma família autenticamente atleticana, só vestiu, além do manto sagrado, a camisa da Seleção Brasileira. Dá nome ao Centro de Treinamentos do Rubro-Negro. Não tem como ser outro.

Lateral-direito

Djalma Santos. Dos que eu vi atuar, destaco Odemílson e Alberto. Mas escolho outro mito: Djalma Santos, campeão paranaense de 1970, um dos melhores laterais da história do futebol brasileiro.

Zagueiros

Alfredo, filho de Caju, defendeu u Rubro-Negro por mais de uma década, e Gustavo, campeão brasileiro em 2001. O primeiro, pelo tempo que defendeu o Furacão, foi escolhido em detrimento de Bellini, um dos mais importantes nomes do futebol brasileiro, mas que esteve no Atlético por apenas dois anos e não conquistou títulos. Já Gustavo disputou meu voto com Adílson, mas a importância do título nacional pesou para o primeiro.

Lateral-esquerdo

Julio. Deus da Raça. Esteve no clube de 1970 a 1974. No auge de uma grave crise financeira, doou seu passe para o Furacão.

Volante

Cocito. Essa indicação eu sei que vai gerar polêmica. Mas não me lembro de nenhum volante que tenha sido “o” ídolo no Furacão. Sim, tenho boas recordações de Roberto Cavalo, Valdir, Cacau e alguns mais. Mas Cocito participou de uma das fases mais vitoriosas do clube, sendo tricampeão estadual, campeão da Seletiva da Libertadores e campeão Brasileiro. E foi fundamental em muitas destas conquistas.

Meias

Kleberson. O xaropinho nunca foi um supercraque, mas o único jogador de um time paranaense que disputou uma Copa do Mundo, e ainda foi titular e campeão, não poderia nunca ficar de fora.
Assis. Formou uma dupla inesquecível com Washington, em 1983, quando o Atlético chegou pela primeira vez a uma semifinal de Brasileirão. Voltou ao Furacão no final da década de 80, para ser campeão estadual por mais duas vezes.
Sicupira. Dispensa comentários. Maior artilheiro da história do clube, com 174 gols.

Atacantes

Alex Mineiro. O maestro da maior conquista do Furacão, o título brasileiro de 2001. Um dos maiores ídolos da atualidade.
Washington. Não o do “Casal 20”, mas sim o “Coração Valente”. Desacreditado para o futebol devido a um grave problema cardíaco, recuperou-se no clube, que resolveu apostar no atleta. Ele retribuiu fazendo o que mais sabia: gols, muitos gols. Foi o maior artilheiro da história do Campeonato Brasileiro em uma só edição: em 2004 botou a bola nas redes adversárias 34 vezes. Infelizmente, o título escapou e o Atlético ficou com o vice-campeonato.

* * *

E você, o que acha? Quais foram os melhores jogadores da história do Atlético? Palpite! Depois farei a seleção dos leitores do Blog da Baixada.

17 comentários:

Timoteo disse...

4-3-3 pode? O meu dream-team rubro-negro vai de: Caju, Djalma Santos, Alfredo, Adilson e Julio. Roberto Cavalo, Ferreira e Sicupira. Alex Mineiro, Washington e Washington. Um abraço.

Anônimo disse...

meu ataque seria o outro washington e alex.. o volante tmb trocaria mas nao sei por quem.. o cocito foi importante mas nao merece tamanha honra

Sereno disse...

Não colocar o kléber inceniário nesta lista é uma insanidade!!!

thyago disse...

Na minha lista estaria 10 dessa seleção, o único que tiraria é o Cocito, no lugar dele entra o Nowak, que era tão raçudo quanto ele mas tinha uma técnica infinitamente superior.

john angolano disse...

para mim está perfeito a escalação proposta. Só o Cocito que não me agrada a mim.... mas está valendo

john angolano disse...

para mim está perfeito a escalação proposta. Só o Cocito que não me agrada a mim.... mas está valendo

Cleyton Ernesto de Souza disse...

è muito nome para um time só, escalando os reservas, poderia ter nomes como Ricardo Pinto, Paulo Rink, Oséas, Adriano Gabiru, entre outros

Anônimo disse...

Paulo Rink e Oséas foram muito importantes para o Furacão!!!! Olha ai gente...ve lá o que vão fazer.....

cavera disse...

E o Reginaldo Cachorrao

cavera disse...

E o Matosas

Anônimo disse...

Eo Sarandi? brincadeirinha!!!
Mas o reginaldo Cachorrão foi para mim o mais atleticano de todos os que vi.
E Ricardo Pinto também merece estar no time titular. O Caju nem vai ficar triste pois ele já tem o CT para ele.
Uh Caldeirão!!!

Diego Soares disse...

Vou fazer um time somente com jogadores que eu realmente vi atuar in loco. Sou nascido em 79, meu pai me levou desde os dois anos para o estádio, mas só me lembro dos times a partir de 1985, quando fomos campeões paranaenses em cima do Londrina e o povão invadiu a velha baixada. Ai vai o meu Atlético: Ricardo Pinto; Alberto, Adílson, Reginaldo Cachorrão e Fabiano; Roberto Cavalo, Kléberson, Jadson e Carlinhos Sabiá; Alex Mineiro e Kléber

Anônimo disse...

É impossível fazer uma lista dessas sem cometer injustiças, mas segue meu time:
Caju
Djalma Santos
Marcão
Bellini
Adilson
Roberto Cavalo
Kleberson
Sicupira
Alex Mineiro
Washington (coração valente)
Kleber (antes incendiário, agora Pereira).

Pronto, podem meter o pau a vontade hahaha!

Anônimo disse...

COCITO SEM DUVIDA NENHUMA PRA MIM SE ENCAIXA COMO UM DOS MELHORES PRA 2008

Anônimo disse...

COCITO NAO TEM QUE FICAR DE FORA DESSA,TEM RAÇA E AMOR PELO FURACAO

Ricardo Campelo disse...

Qualquer mix dos times de 99-2001-2004 cumprirá o propósito... rapidamente, meu time (apenas com jogadores que vi jogar) seria:
Flávio, Alberto, Reginaldo, Nem e Fabiano; Cocito, Kléberson, Kelly e Gabiru; Alex Mineiro e Kléber.

Anônimo disse...

1 - Marcio
2 - Michel
3 - Rafael Santos
4 - Erwin
5 - Irênio
6 - Raúl
7 - Erandir
8 - Pimba
9 - Javier Toledo
11- Serna
10- Netinho