sábado, 1 de setembro de 2007

O terceiro "son": Atlético contata Wallyson, do ABC de Natal

Após Geílson e Taílson, chegou a vez de Wallyson (foto). Segundo matéria publicada hoje no Diário de Natal, o Atlético conseguiu finalmente contratar a revelação do ABC. Porém, o atleta só chega ao Furacão após o Campeonato Brasileiro. Leia a reportagem:
Wallyson é vendido para o Atlético-PR
Acabou a novela. A maior revelação do ABC nos últimos anos, Wallyson está de data marcada para sair de Natal. Destaque e revelação do estadual 2007, o atacante foi negociado na semana passada, mas somente ontem é que aconteceu a oficialização da venda do jogador ao Atlético-PR por R$ 600 mil Reais. O ABC ainda ficará com 10% dos direitos federativos do jogador. A parte que cabe ao empresário Flávio Anselmo, procurador de Wallyson, será acertada diretamente com o time paranaense.
O presidente Judas Tadeu ainda tentou adiar o anúncio oficial de Wallyson para a segunda-feira, após o jogo contra Confiança, mas a notícia vazou e no final o dirigente declarou-se satisfeito com o acerto. ‘‘O plano era anunciar a negociação depois do jogo de domingo, para não atrapalhar o atleta, mas como não dá para esconder uma notícia desta grandeza, eu só tenho a declarar que estamos todos muito felizes, pois finalmente, depois de vários meses de impasse, conseguimos vender Wallyson por um preço justo tanto para o ABC como para o seu empresário, que negociou sua parte direto com o Atlético‘‘, falou.
Wallyson, que chegou a passar 15 dias treinando no clube paranaense logo após o campeonato estadual, também não escondeu a felicidade pela concretização da transferência. “Estou muito feliz com esta negociação. Estive lá logo após o estadual, gostei da estrutura e da forma como fui recebido. Era para lá mesmo que queria ir. No entanto, o mais importante agora para mim é defender o ABC bem, e ajudar o time a conquistar o objetivo, que é subir para a Série B, pois acima de tudo, sou alviengro”, declarou o jovem valor, que foi poupado do recreativo de ontem.
Apesar do anúncio da transferência do jogador, a torcida pode ficar tranqüila. Wallyson somente deixa o clube após a última partida do ABC na Série C. Depois, o atleta estará livre para defender as cores do rubro-negro paranaense. Caso o Atlético-PR negocie o atleta, o Mais Querido ainda terá 10% de direitos federativos.
A concretização da transferência põe fim a novela da saída de Wallyson, que já durava desde o término do estadual, em abril.
Wallyson iria inicialmente para o clube paranaense, chegou a viajar para Curitiba, mas um problema entre o procurador do atleta, o empresário Flávio Anselmo, e o presidente do ABC, Judas Tadeu, inviabilizou a transação. Depois disse, ele chegou a ser sondado pelo futebol alemão e o japonês.

Nenhum comentário: