segunda-feira, 13 de agosto de 2007

Sem Ramon, fica mais difícil

Parece que o Atlético não vai conseguir registrar o meia Ramon hoje na CBF e, assim, o jogador só poderá jogar na Copa Sul-Americana se o Rubro-Negro chegar à semifinal. Uma pena, porque trata-se de um atleta que pode decidir as partidas e ser o diferencial num torneio de mata-mata como esse, principalmente em cobranças de falta. Aliás, as últimas boas campanhas nacionais do Furacão foram bem-sucedidas muito graças a bons cobradores de falta: Souza, em 2001, e Jadson, em 2004. Vale lembrar também que ano passado, pela mesma Sul-Americana, só passamos pelo River Plate após dois gols de falta marcados por Jancarlos, na Arena.
Tomara que seja registrado logo, porque precisaremos de um jogador que decida partidas também pelo Campeonato Brasileiro. Um ou dois jogos decididos numa cobrança de falta podem fazer toda a diferença lá no final.

Nenhum comentário: